Nesta sexta-feira (7), o vídeo de um entregador de aplicativo sofrendo ofensas racistas ao fazer um entrega em um condomínio de Valinhos, em São Paulo, viralizou nas redes. Rapidamente, Luciano Huck conversou com o rapaz que foi humilhado, que se chama Matheus Pires.


"Vergonha, tristeza e revolta. Foi o que senti quando recebi este vídeo. Nele está tudo contra o que lutamos. Matheus Pires foi corajoso e não baixou a cabeça pro preconceito. Temos de nos unir à luta de Matheus para mudar o Brasil. Este vídeo é revoltante. É um dever como cidadão denuciá-lo", escreveu o apresentador.

Matheus contou mais detalhes sobre a confusão para o apresentador, afirmando que o homem [que é branco] dizia que ele "tinha inveja" da pele dele. O entregador registrou um boletim de ocorrência e revelou que estava trabalhando com a moto do pai, porque a dele havia quebrado.

Mas Luciano fez questão de ajudá-lo. "A moto que fundiu o motor... Conta comigo!", falou o apresentador, dizendo que acionaria parceiros para conseguir uma moto nova para Matheus.


    Veja Também

      Mostrar mais