Nesta quinta-feira (02), Whindersson Nunes atualizou seu perfil no Twitter para cobrar atitudes do presidente da república Jair Bolsonaro (sem partido) em relação à crise do novo coronavírus ( Covid-19 ). 

Leia também: Com o bumbum de fora, Luísa Sonza leva apalpada de Whindersson Nunes

Whindersson Nunes arrow-options
Reprodução
Whindersson Nunes

Usando o Equador como exemplo, Whindersson Nunes  dissertou. "O negócio no Equador está apertando e o Brasil tá brincando de ser café com leite.. Tic tac Bolsonaro , o autônomo tá precisando dos R$ 600 reais". 

Leia também: Whindersson Nunes afirma que sua esposa, Luísa Sonza, não está grávida

O governo do Equador teve que retirar recentemente cerca de 150 corpos de pessoas que morreram em casa de Covid-19 . Vídeos na internet mostram cadáveres sendo abandonados nas ruas, o que tem deixado o sistema funerário do país em colapso. 

Após a crítica, Whindersson Nunes desabafou: " Estamos até agora lutando para saber que fim vai levar o corpo do meu amigo no México, não tá dando nem pra cremar que a fila está grande, todo dia você acorda e as notícias só pioram".

Leia também: Whindersson Nunes passa mal e é levado a hospital em São Paulo

Bolsonaro sancionou o auxílio emergencial na última quarta-feira (01), o projeto dará uma juda de R$ 600 para trabalhadores informais e pessoas de baixa renda, todavia, ainda não há previsão de data para o saque do benefício. 




    Veja Também

      Mostrar mais