Tamanho do texto

Relacionamento conturbado da mãe de William a Harry com a socialite Raine Spencer foi retratado em um documentário sobre vida da Princesa

Parece que a Princesa Diana não era tão doce e pacífica como aparentava ser. De acordo com o documentário "Princess Diana's 'Wicked' Stepmother", a ex-integrante da família real teria ficado tão brava com a madrasta, Raine Spencer, que foi capaz de cometer uma loucura.

Leia também: Rainha Elizabeth tira foto de Príncipe Harry e Meghan do Palácio

Princesa Diana arrow-options
Divulgação
Princesa Diana


Isso porque, em setembro de 1989, a raiva que a Princesa Diana sentia pela madrasta chegou ao limite. Na época, com 28 anos, ela empurrou a mulher com tanta força que Raine acabou caindo da escada.

Leia também: Luxo, perigo e Diana: Os altos e baixos da viagem de Kate e William ao Paquistão

" Raine Spencer ficou muito machucada e terrivelmente chateada. Foi uma coisa cruel e sem coração de se fazer", declarou Sue Howe, ex-assistente pessoal de Raine. A relação das duas é o foco principal do documentário que foi exibido nesta semana na TV britânica.

Leia também: Protegida por mil homens, Kate Middleton visita Paquistão com look à la Diana

"Elas eram fortes até o âmago - sobreviventes", disse o ex-mordomo da ex-membro da  Família Real , Paul Burrell, ao jornal The Post . "Elas sofreram adversidades e tragédias que as uniram no final", afirmou. A Princesa Diana faleceu em 1997 após sofrer um grave acidente de carro. Spencer morreu em 2016, em decorrência de um câncer.