Tamanho do texto

Amigos dão adeus à escritora, atriz e roteirista em cemitério de São Paulo

Fernanda Young, Rita Lee e Marisa Orth no programa arrow-options
Divulgação
Fernanda Young, Rita Lee e Marisa Orth no programa "Saia Justa"

Atriz que trabalhou com Fernanda Young em diversas séries de TV, Marisa Orth foi uma das personalidades que acorreram ao velório da escritora, roteurista e atriz na tarde de domingo, no cemitério Congonhas, em São Paulo.

"Fernanda é a famosa irrepetível. Super trabalhadora, super criativa e uma das pessoas mais corajoasas que eu já conheci. Ela se montava como ninguém, comprava as brigas e ainda assim conseguia ser aquela figura deliciosa que ela sempre foi", disse Marisa Orth .

A última vez que Marisa viu a amiga pela última vez no lançamento do mais recentente livro de Rita Lee , "Amiga Ursa" (Fernanda, Marisa e Rita participaram juntas da primeira temporada do programa de TV "Saia justa").

Muito abalada, a atriz Fernanda Nobre , que ia estrear a peça "Ainda nada de novo" com Fernanda e com quem chegou a ensaiar na sexta-feira, comentou:

"Estou em estado de choque. Parece mentira, ela estava muito feliz. A gente estava vivendo um processo criativo muito intenso, ela estava arrasando. estava solar, muito agradecida por estar fazendo parte da peça. É uma perda irreparável. A Fernanda era uma figura importante para a arte, para a representativdade e o empoderamento feminino. Sinto-me lisonjeada de ser convivido e aprendido um pouco com ela".

Porta voz da família de Fernanda Young no velório , a professora de filosofia Graça Nascimento, amiga de longa data de Fernanda, compartilhou suas lembranças: "Era um furacão, uma mulher de uma alegria imensa, de generosidade extrema. ela era pura vida. É essa a lembrança que vai ficar dela, não só pra mim, mas para o Brasil todo".