Tamanho do texto

Atriz falou que “sexo é perigoso” e ainda revelou que está na seca há tempos

Jennifer Lawrence segue promovendo seu novo filme, “ Operação Red Sparrow ”, o que sempre rende boas declarações. Sem medo de falar o que pensa, ela comentou sobre sua vida sexual com o The Sun . Ou melhor, a vida sexual que não tem. Depois de terminar o relacionamento com Darren Aronofsky no final de 2017, a atriz parece estar na seca.

Leia também: "Operação Red Sparrow" honra legado dos bons thrillers de espionagem

Jennifer Lawrence mais uma vez protagoniza os memes na cerimônia do Oscar 2018
Reprodução/Twitter
Jennifer Lawrence mais uma vez protagoniza os memes na cerimônia do Oscar 2018

Quando perguntada sobre seu amor platônico por Timothée Chamalamet, por quem ela já declarou se sentir atraída, ela brincou dizendo “que só late e não morde”. “Eu sempre falo como se eu quisesse sexo , mas é verdade é que olhando para trás na minha vida sexual , sempre foi só com namorados”, afirmou Jennifer Lawrence .

Leia também: Jennifer Lawrence mergulha nas polêmicas durante promoção de novo filme

Perigo

Ela ainda confessou que tem fobia de germes e morre de medo de pegar uma DST. “Eu cheguei até agora sem uma DST . Pênis são perigosos”, brincou. Ela ainda completou que, se chegasse ao ponto em que poderia pegar uma doença, médicos já estariam envolvidos. Lawrence ainda fez questão de esclarecer que não faz sexo há bastante tempo: “eu gostaria de estar em um relacionamento, sabe? Mas está difícil aí fora”, lamentou.

A atriz já havia falado sobre as cenas de nudez do filme, que a preocuparam, por conta das imagens íntimas suas que vazaram no passado. Ela comentou que, por ter sido tão combativa na época, protegendo sua intimidade, ficou preocupada com o que as pessoas pensariam com as cenas do longa.

Carreira

Depois de polemizar com o drama “mãe!”, dirigido pelo ex-namorado, Jannifer Lawrence vem chamando atenção ao divulgar seu novo filme, “Operação Red Sparrow”. No longa, ela volta a trabalhar com o diretor de “Jogos Vorazes”, dando vida a uma mulher forçada a se tornar espiã, usando sua sexualidade para realizar suas missões. Ela também acabou participando do Oscar este ano, não como indicada, mas como uma das apresentadoras. Depois que a Academia desistiu de chamar Casey Affleck para entregar o prêmio de Melhor Atriz por conta das acusações de assédio contra ele, a atriz foi chamada para substituí-lo ao lado de Jodie Foster.

Leia também: Por quê o novo filme de Jennifer Lawrence, “mãe!”, incomoda tanto?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.