Tamanho do texto

Atriz irritou feministas ao usar um vestido super decotado em uma premiere do longa-metragem e ao dizer que as pessoas deveriam ir assistir "Operação Red Sparrow" porque ela aparece nua. Veja o que andou dizendo a atriz

O novo filme de Jennifer Lawrence mal estreou no Brasil, mas já está dando o que falar. Durante a promoção de “ Red Sparrow ”, a atriz se envolveu em diversas polêmicas que tomaram conta dos tabloides ao redor do mundo. O longa conta a história de uma bailarina talentosa que se vê em maus lençóis quando é convencida a se tornar uma Sparrow: uma sedutora espiã treinada na melhor escola de espionagem russa.

Cena Operação Red Sparrow, protagonizado pela vencedora do Oscar Jennifer Lawrence
Divulgação
Cena Operação Red Sparrow, protagonizado pela vencedora do Oscar Jennifer Lawrence

Leia também: "Operação Red Sparrow" honra legado dos bons thrillers de espionagem

Recheado de cenas quentes, sedução e muita nudez, Jennifer Lawrence deu o que falar nos últimos meses com “Red Sparrow”. De declarações polêmicas ao uso de vestidos para lá de sensuais, confira cinco momentos que a atriz ficou sob os holofotes ao lado de diversas controversas.

Leia também: Estudo mostra queda no número de mulheres protagonistas no cinema em 2017

Frio?

Jennifer Lawrence e vestido polêmico
Reprodução
Jennifer Lawrence e vestido polêmico

Durante première do longa-metragem, Jennifer Lawrence apareceu ao lado dos seus colegas de set utilizando um vestido longo preto da grife Versace em Londres. Com um decotão e uma fenda na perna, a atriz posou em frente ao London Eye londrino esbanjando toda a sua sensualidade. Até aí, tudo parecia ok – a não ser pelo fato de que na cidade o inverno reinava levando a temperatura a 3 graus. Diversos usuários começaram a criticar o fato da atriz estar com uma roupa que expunha seu corpo enquanto os outros colegas trajavam casacos e roupas longas, chegando a acusar a produção de sexualização da atriz. O look causou tanto alvoroço que mais tarde Lawrence se pronunciou na sua página oficial do facebook. “Eu realmente não sei por onde começar com a controvérsia de 'Jennifer Lawrence usa um vestido revelador no frio'. Isto não só é absolutamente ridículo, como fiquei extremamente ofendida. É um fabuloso vestido Versace, você acha que eu vou cobrir esse lindo vestido com um casaco e um lenço? Fiquei fora por 5 minutos. Eu ficaria na neve por esse vestido porque eu amo moda e essa foi uma escolha minha", escreveu. A vencedora do Oscar ainda acrescentou: "Isso é sexista, isso é ridículo, isso não é feminismo".

Nudez

Cena do filme Operação Red Sparrow, que estreou nesta quinta-feira (1º) nos cinemas brasilerios
Divulgação
Cena do filme Operação Red Sparrow, que estreou nesta quinta-feira (1º) nos cinemas brasilerios

Em 2014 diversas atrizes tiveram suas fotos íntimas vazadas na internet –e Jennifer Lawrence foi uma delas. No novo filme, a atriz tira roupa e usa e abusa do seu corpo em frente às câmeras. Entretanto, fazer as cenas não foram tão simples assim para ela. De acordo com entrevista concedida à Vanity Fair, Lawrence revelou que “Red Sparrow realmente me deixou assustada. Eu tentei fazer o filme sem nudez, mas eu percebi que não seria correto colocar a personagem em algo que eu, eu mesma, não estou disposta a passar”, afirmou a atriz revelando que o maior medo era o que as pessoas diriam sobre, já que ela assumiu uma postura bastante combativa na época em que as fotografias vazaram. Ainda, para o “The Today Show”, programa matinal australiano, a atriz revelou que demorou muito tempo para dizer sim para as cenas de nudez e que depois que terminou chegou a se sentir “empoderada”. “Eu entendi que há uma diferença entre consentir e não consentir”, revelou.

Leia também: Há uma lógica de mercado a impulsionar a força feminina nos filmes do Oscar

Além disso, outra polêmica ressurgiu sobre a relação do filme com o corpo da atriz. Durante entrevista ao podcast  WTF , Lawrence não especulou sobre a qualidade do longa, mas deu motivos pra lá de inusitados para que o público assistisse ao longa: "Eu estou boa nele? Quem pode dizer. Eu estou nua no filme, então por favor vão...Estou nua. Tem peitos. Tem assassinatos", revelou. Eita!

Um novo affair

No turbilhão de notícias que emergiram durante as gravações do filme, Jennifer Lawrence foi acusada de ter tido um caso com Chris Pratt. O ator, que era casado com Anna Faris, rompeu o relacionamento em agosto do ano passado chocando os fãs. De acordo com os tabloides internacionais, Lawrence teria sido o motivo da separação e teriam começado um romance durante as gravações de “Os Passageiros”, em 2016. Entretanto, foi durante a divulgação de “Red Sparrow” que a verdade veio à tona. De acordo com o Daily Mail, a atriz afirmou que “nunca tive um caso com Christ Pratt em ‘Os Passageiros’. Essa é boa...”.

Trama fantasma bem fantasma

Reprodução
"Trama Fantasma" é um dos longa metragens indicados a Melhor Filme no Oscar 2018

Apesar de Jennifer Lawrence ser uma das vencedoras do Oscar, parece que este ano alguns dos indicados passaram longe dos olhos da atriz. Durante uma entrevista ao podcast WTF, a artista comentou sem pudor sobre o que achou do indicado. “Aguentei uns três minutos. Que me perdoe quem ama esse filme, mas eu não poderia perder tempo assistindo mais do que isso. Foi o suficiente”, revelou. “É só sobre roupas? É sobre como Reynolds Woodcock é um artista sociopata e narcisista pelo qual as garotas se apaixonam porque ele faz elas se sentirem mal? E essa é a história de amor? Eu não vi tudo, então não sei. Aliás, já passei por isso. Sei como é e não preciso assistir a esse filme”, completou a artista.  

Fechando a boca!

O longa trouxe diversas polêmicas para a vida de Jennifer Lawrence, em especial no que diz sobre a controvérsia entre sua imagem e o que ela acredita com o trabalho e a personagem executada nas telonas. Uma dessas situações que vieram a tona e fez com que muitos fãs olhassem ainda mais torto para o filme foi a de que esta foi a primeira vez que a artista fez uma dieta para se encaixar em um papel. “Eu não posso interpretar uma ex-bailarina e não me parecer com uma ex-bailarina. Esse pessoal treina duro”, comentou à Vanity Fair. “Em Jogos Vorazes, eles me disseram para perder um pouco de peso, mas daí eu descobri Jack in the Box [uma rede de fast food], e tudo foi pelos ares”, brincou ela. “Dessa vez, eu realmente fiquei com fome e foi difícil trabalhar, mas para o papel fazia sentido”, completou a atriz. Barra pesada!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.