Tamanho do texto

A jovem de 23 anos teria se internado em uma clínica de reabilitação uma semana antes da sua morte e laudo médico ainda não foi divulgado; veja

A atriz pornô de 23 anos, Olivia Lua, foi encontrada morta na última quinta-feira (18) em uma clinica de reabilitação nos Estados Unidos . A informação foi divulgada pela agência LDA Direct Models, que representava a atriz.

Olivia Lua tinha 23 anos e não trabalhava em filmes pornô desde outubro
Reprodução
Olivia Lua tinha 23 anos e não trabalhava em filmes pornô desde outubro

Leia também: Atriz pornô é encontrada morta em Las Vegas aos 20 anos

De acordo com o comunicado, "Muitos comentários foram feitos recentemente sobre o número de estrelas de filmes adultos que morreram no último ano e, com grande tristeza, devemos informar que a lista aumentou. Soubemos, hoje, que Olivia Lua se foi nesta manhã – que ela descanse em paz". A nota ainda cita que "familiares e amigos diziam estar profundamente preocupados com o volume de remédios prescritos a Olivia e o perigo que isso representava se fosse misturado com drogas recreativas ou álcool" e que "acredita-se que seja essa a causa da morte".

Leia também: Da nudez ao sexo, pode a pornografia ser considerada uma manifestação artística?

Entretanto, ainda não há um laudo médico disponibilizado que confirme a causa da morte. Desde outubro Olivia Lua já não fazia mais filmes pornôs e, uma semana antes de morrer, deu entrada em uma clínica em Hollywood, Estados Unidos.

Leia também: Atriz pornô, suicídio e Trump: conheça bastidores das acusações ao Presidente

Não é o primeiro caso

Olivia Lua é a quinta atriz pornô encontrada morta em menos de dois meses.  O primeiro caso aconteceu em novembro de 2017, com a canadense Shyla Stylez (Amanda Friedland) tendo sido encontrada morta na casa de sua mãe. Mais tarde, outra atriz canadense August Ames (Mercedes Grabowski) teria se suicidado, após anunciar nas suas redes que sofria de depressão e transtorno bipolar. O caso foi precedido pela morte de Yuri Luv, em dezembro. A estadunidense foi encontrada morta e perto de sua cama havia uma caixa vazia de comprimidos. No início de janeiro, foi a vez de Olivia Nova, a atriz pornô de 20 anos dos Estados Unidos, ter sido encontrada morta. Ela trabalhava como modelo desde os 12 anos e se queixava de solidão e tristeza. A série de mortes reascendeu o debate sobre a indústria pornográfica e os seus malefícios para as mulheres.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.