Tamanho do texto

Marciele Vasconcelos dá detalhes de rotina de exercícios e alimentação balanceada para o concurso Musa do Brasil

Marciele Vasconcelos é mais uma das musas fitness que tentam o tão sonhado título de Musa do Brasil. A  modelo natural de Pará de Minas, no interior de Minas Gerais , superou centenas de candidatas e ganhou a chance de representar seu estado no concurso. Mas, até que ela conquistasse o corpo de seus sonhos, não foi um caminho fácil.

Leia também: Kell Rosan, candidata do Musa do Brasil, sonha com ensaio nu internacional

Marciele Vasconcelos admite que não era notada no colégio e que sentia vergonha de seu corpo
Ricardo Sakai / M2 Mídia
Marciele Vasconcelos admite que não era notada no colégio e que sentia vergonha de seu corpo

Marciele, de 24 anos, conquistou o corpo que ostenta no Musa do Brasil com uma dieta equilibrada e uma rotina pesada de exercícios. E só começou a frequentar a academia porque não se sentia bem com seu corpo.

Leia também: Na disputa do Musa do Brasil, Day Teixeira posa sensual com corpo impecável

Marciele Vasconcelos abandonou vícios para competir
Ricardo Sakai / M2 Mídia
Marciele Vasconcelos abandonou vícios para competir

“Nunca fui a garota mais popular do colégio, não fazia sucesso com os meninos. Sempre passei despercebida. Ficava de canto, não estava feliz assim. Sentia vergonha do meu corpo. Com o tempo percebi que precisava cuidar mais de mim. Comecei a treinar e a seguir uma dieta”, contou a modelo.

Desde então, a beldade se apaixonou pelo estilo de vida fitness e acorda bem cedo todos os dias para correr no parque. Além disso, faz musculação sete vezes por semana e diversos procedimentos estéticos, como drenagem linfática. Além disso, abandonou seu vícios alimentares como chocolate, brigadeiro, refrigerante e bebidas alcóolicas.

“Estou bem regrada para chegar na final do concurso com o shape impecável. Ainda não estou em paz com o espelho. 70% do resultado vem da alimentação, então me preocupo muito. Participar do concurso vem coroar a minha dedicação e a vontade de mudar meus hábitos e a minha história”, explicou.

Leia também: "Sou quase a musa do poliamor", brinca candidata ao Musa do Brasil

A modelo também aproveitou a oportunidade para afirmar que participar do concurso é uma superação. “Hoje eu virei o jogo. Quem nem me olhava naquela época hoje enche minhas redes sociais de elogios e propostas indecentes. Eu me divirto”, contou a candidata ao Musa do Brasil .