Tamanho do texto

Com ex atriz pornô, bissexual assumida e aeromoça, "A Garota Sexy Clube 2017" vai eleger a musa da edição comemorativa de 25 anos da revista Sexy

O sonho de muitas mulheres é poder receber o título de musa e o novo concurso da revista Sexy abre as portas para que uma sortuda seja coroada como Musa Mais Sexy de 2017. “A Garota Sexy Clube 2017” conta com a participação de 18 candidatas que farão de tudo para levar o prêmio final – a capa da edição especial do aniversário de 25 anos da publicação. Com perfis que vão de ex atriz pornô a bissexual assumida, a competição entre elas será acirrada e não vão faltar polêmicas. 

Leia também: Renata Longaray define ensaio na Playboy como uma "virada" em sua carreira

Conheça as 17 participantes do concurso A Garota Sexy Clube, promovido pela revista Sexy para eleger nova musa
Rodrigo Amatuzzi/F Mídia Press
Conheça as 17 participantes do concurso A Garota Sexy Clube, promovido pela revista Sexy para eleger nova musa


Candidatas quentes e polêmicas

Diferente de alguns concursos que rolam por aí em que as participantes não podem usar silicone, em “ A Garota Sexy Clube 2017” vale tudo. Felipe Almeida, idealizador do projeto explica: “A ideia do concurso é promover a sensualidade da mulher brasileira. Aqui silicone não é problema, desde que a candidata atenda ao requisito fundamental: ser bonita e sexy”. Foram gastos cerca de três meses para chegarem às 18 finalistas que irão brigar para estampar a capa da Sexy em novembro.

As mulheres vão dar o que falar até o resultado do concurso. Greyce, bissexual assumida, não descarta a opção de que role alguma coisa com outra participante. “Sou polêmica, gosto de causar. [...] Não descarto os homens, mas vou me divertir neste clube com mulheres gatas”, comenta. A ex-evangélica Mary Souza deu uma volta de 180º na sua vida e decidiu correr atrás do seu sonho de posar nua. “Fui criada na igreja e minha família é muito tradicional, mas meu sonho sempre foi posar nua e ser famosa”, revela.  Conheça as 18 participantes do concurso.

Leia também: Revista Sexy aposta em Operação Lava Jato para atingir recorde vendas


Determinada, a morena Flávia deixou a profissão de lado para perseguir a fama: “agora sinto que chegou a minha hora”, conta. E por falar em deixar a profissão para trás, Débora Dunhil é ex atriz pornô, porém decidiu deixar esse mercado e investir em si mesma. “Quero ser reconhecida a partir de agora como uma mulher sensual e que fez história vencendo esta competição, o mundo erótico para mim acabou”, desabafa.

Leia também: Kacau Fonseca, a jornalista sexy, diz que ensaio sensual é uma "libertação"

Votação

Já sabe quem é a sua preferida no concurso? As votações para eleger “A Garota Sexy Clube 2017” vigoram entre esta segunda (31) e 2 de outubro pelo site da revista Sexy .