Tamanho do texto

Sem dar detalhes sobre uma possível gravidez, Ana falou sobre o que pensa para o futuro do casal e aumentar a família em rádio portuguesa

Depois de dar uma entrevista ao site “DN”, de Portugal, a cantora Ana Carolina deixou ainda mais evidente seu amor pela companheira, Letícia Lima , a quem se referiu como noiva sem se poupar em demonstrar publicamente que esse romance tem um futuro bem próximo.

Leia também: Ana Carolina assume romance com jovem atriz da Globo

Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram


A entrevista dada ao site português aconteceu pelo fato de Ana Carolina estar em turnê pelo país europeu, além de estar fazendo a divulgação de seu livro “Ruído Branco”, lançado em dezembro de 2016 . Durante a conversa, a intérprete falou sobre a carreira, mas também sobre como andam os planos que pretende colocar em prática com a amada.

Ainda que precavida, Ana revelou sofrimento com a ideia de que talvez a época atual para uma gestação seja tardia, mas mesmo assim se mostrou plenamente consciente de que realizar o sonho de dar início a uma família é séria e precisa de preparação. “Sofro com esse pensamento há muito tempo e até congelei uns óvulos porque já tenho 42 anos”, revela. “Eu não sei o que me vai acontecer porque tem um lado bom e outro mais difícil, a preocupação eterna com aquele ser. Hoje, eu namoro uma mulher. Sou eu, minha noiva, meu amigo e o namorado dele. Somos quatro famílias para ter um filho. São muitas variáveis”.

Mesmo confessando que a ideia de formar uma família a quatro é uma possibilidade na vida dela e de Letícia, a cantora  não entrou em mais detalhes de como a gestação seria realizada.

Leia também: "Minha vida faz mais sentido ao lado de uma mulher", diz Ana Carolina

Segurança

Que as duas estão bem felizes juntas não é segredo para ninguém. E mesmo que seja o primeiro relacionamento de Letícia Lima com uma mulher, a atriz já declarou em entrevista ter sido segura desde quando percebeu seu interesse e atração por  Ana Carolina , agindo com naturalidade mesmo com uma situação totalmente nova. “Para mim, é tão normal, tão natural que não tem nem o que falar sobre isso. Me senti atraída e só não hesitei, não fiz nada, deixei acontecer”, relata.