Tamanho do texto

Assalto aconteceu em 3 de outubro de 2016

Uma operação policial prendeu ao menos 16 pessoas nesta segunda-feira (9) suspeitas de participarem do assalto contra a socialite Kim Kardashian em 3 de outubro em um hotel de Paris. Segundo o site francês " BFM TV", os detidos têm entre 23 e 72 anos e já eram conhecidos pelo polícia por praticarem assaltos e outros crimes anteriores. As autoridades ainda apreenderam 140 mil euros em dinheiro e armas de fogo, incluindo uma automática.

Kim Kardashian chegou a ficar presa no banheiro enquanto os assaltantes levavam seus pertences
Reprodução/Instagram
Kim Kardashian chegou a ficar presa no banheiro enquanto os assaltantes levavam seus pertences


Leia mais:  Kim Kardashian achou que ia morrer e implorou pela vida, diz site

A investigação analisou amostras de DNA encontrados no quarto, onde aconteceu o assalto, para conseguir chegar até os suspeitos. Durante o roubo, os bandidos, que estavam armados e vestidos de policiais, entraram no hotel de luxo onde Kardashian se hospedava e a trancaram no banheiro enquanto roubavam seus pertences.

Leia mais:  Joia de diamante roubada de Kim Kardashian na França é encontrada na rua

Além de Kardashian e do segurança, uma estilista da socialite também estava no imóvel. Entre os objetos, foram levados dois celulares e joias avaliadas em cerca de US$ 9,5 milhões.