Meryl Streep falou sobre como foi interpretar Miranda Pristley
Divulgação
Meryl Streep falou sobre como foi interpretar Miranda Pristley


A atriz Meryl Streep, atualmente com 71 anos de idade, contou ter entrado em depressão depois de mergulhar profundamente em sua personagem em O Diabo Veste Prada, de 2006. Ela lembrou as filmagens da produção em matéria publicada pela revista Entertainment Weekly, dedicada ao aniversário de 15 anos de lançamento da obra.


Você viu?

“Foi horrível!”, contou Meryl Streep em relação ao período o qual ela viveu a editora Miranda Priestly. “Eu estava sofrendo no meu trailer e podia ouví-los se divertindo e gargalhando. Fiquei muito deprimida! Eu me dizia, ‘bem, esse é o preço que você pagar por ser a chefona!’”, continuou ela.

“Foi a última vez que tentei essa coisa de método!”, falou ela, fazendo referência à técnica usada como método na qual o artista incorpora as emoções e os trejeitos de seu personagem. E mesmo com o sofrimento de Streep dando vida à vilã do longa dirigido por David Frankel, seus esforços renderam a ela um Globo de Ouro na categoria de melhor atriz em comédia e uma indicação ao Oscar de melhor atriz em 2007.

Ela ainda detém o recorde de artista com o maior número de indicações da história do Oscar, com 21 nomeações e três estatuetas vencidas.

Veja a matéria completa em TV Foco.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários