Cantora é convidada do programa "Ensaio" desta semana

No próximo domingo (27), a cantora Sandy fala sobre infância, carreira e ídolos como Elis Regina e Tom Jobim . Ela bate um papo com o apresentador Fernando Faro e conta detalhes sobre o processo de criação de seu último CD, Manuscrito, lançado em 2010.

Sandy
Cleones Ribeiro
Sandy

Sandy relembra seu tempo de criança e das brincadeiras na rua. Mesmo trabalhando desde pequena, ela conta que sempre aproveitou muito sua infância. Fala ainda sobre os 17 anos da dupla Sandy e Júnior, e diz que não esquece a primeira vez que cantaram juntos em público, no programa Som Brasil, apresentado por Lima Duarte, na Rede Globo. Segundo a cantora, o fim da dupla foi uma decisão tomada em comum acordo entre ela e o irmão, que fizeram uma turnê de despedida pelas principais capitais brasileiras.

A cantora também revela sua admiração por Elis Regina e diz que ela foi sua primeira “diva”. Como homenagem, canta Águas de Março, uma das clássicas composições de Tom Jobim, que integra o álbum Elis e Tom, um dos discos que mais gosta. Aliás, foi ouvindo Sandy cantar esta música, que o tenor italiano Andrea Bocelli a convidou para gravar Vivo por ela, canção que está em seu disco Romanza.

Durante o programa, Sandy ainda fala sobre seu gosto por jazz e pelas cantoras como Ella Fitzgerald . Em seguida, canta "Summertime", de George Gershwin e Ira Gershwin . Também lembra que em 2006 foi convidada pelo pianista Marcelo Bratke para interpretar standarts do jazz em um show no Auditório Ibirapuera, em São Paulo.

O repertório desta edição do Ensaio é quase todo baseado em "Manuscrito", com músicas como Ela/Ele, Quem eu sou e Pés Cansados, todas compostas em parceria com o marido da cantora, o músico Lucas Lima .

O programa é exibido aos domingos, a partir das 23h, na TV Cultura.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.