Tamanho do texto

Jornalista não gostou da participação do apresentador em programa da ESPN e diretor do SBT se meteu na história

As críticas feitas por  José Trajano à ESPN Brasil pelo convite para  Danilo Gentili participar do programa "Bate-Bola Debate" da última terça-feira (24) continuam rendendo. Na sexta-feira (27), o jornalista do canal protestou no programa "Linha de Passe". O diretor de planejamento artístico do SBT, Fernando Pelegio , entrou na história, criticando a atitude.

José Trajano criticou convite a Danilo Gentili
Reprodução/ESPM e Leonardo Nones/SBT
José Trajano criticou convite a Danilo Gentili


"O canal abrigou esta semana um personagem engraçadinho, que se porta como um sujeito que faz apologia do estupro. Em nome do humor, dizendo que no humor cabe tudo. Esse grupo ficou enojado com a presença dele", declarou Trajano na atração, referindo-se a um tweet de Gentili de 2012 sobre uma participante do BBB que teve relação sexual alcoolizada.

O apresentador do "The Noite" usou seu Facebook no sábado (28) para se defender. "Conseguiram o que queriam: a ira e o repúdio de muita gente contra mim…É assim que funciona a máquina de moer reputações. E você, que está lendo isto agora, paga por ela… O militante petista Trajano, usando seu distintivo de jornalista, ontem me acusou na televisão de um crime que jamais cometi (e com certeza jamais cometeria)".

Pelegio usou seu perfil no Twitter nesta segunda (30) para defender Gentili. "Esse José Trajano não merece o microfone que tem. O SBT foi gentil em ceder uma de suas principais estrelas e eles o tratam assim?. Se a ESPN tem rachas dentro da sua estrutura, sugiro que resolvam tudo antes de pedirem nossos contratados", disparou. Veja os tweets: