Apresentador fez críticas ao comportamento do senador durante sessão da comissão especial do impeachment

Jô Soares  voltou a falar sobre política em seu programa na TV Globo. Na noite de quarta-feira (4), o apresentador debateu o cenário político no quadro "As Meninas do Jô" e teceu duras críticas sobre a participação de ex-jogador Romário na sessão da comissão especial do impeachment, no dia 29 de abril.

+ Rapaz grita "Fora, Dilma" e Jô Soares perde a paciência no ar: "Fala bobagem"

Irritado, Jô Soares manda recado para Romârio:
REPRODUÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
Irritado, Jô Soares manda recado para Romârio: "Tem que aprender a ouvir"


"Eu gostaria de fazer uma observação com relação ao senador Romário, que estava muito preocupado em saber a que horas ele iria falar, porque estava ficando tarde e ele não queria perder a vez. Será que não falaram para o senador que o importante não é falar, e sim ouvir?", disparou Jô.

+ "Queria deixar saudade e não incômodo", diz Jô Soares sobre fim do programa

O apresentador ironizou o discurso do senador, que comparou Janaína Paschoal (autora do pedido de impeachment) a si próprio. O ex-jogador afirmou que, assim como ele, ela não se "intimida com os zagueiros". "Ele falou de um jogador baixinho que jogava com a camisa número 11 e nunca teve medo de enfrentar zagueiros. Realmente, Romário, desculpe, mas o mais difícil para um senador é saber ouvir, e não falar".

"Não pode um senador que eleito por uma quantidade absurdas de votos não saber ouvir. Tem que ouvir, Romário. Não é para falar ou fazer gol, é para ouvir", finalizou Jô, que ainda conquistou aplausos do público.

Relembre o voto dos deputados famosos no processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff :



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.