Tamanho do texto

Nesta semana, Romero, de "A Regra do Jogo", retornou do túmulo, mas ele não foi o primeiro a fazer isso em uma novela

No capítulo desta segunda-feira (29), o público descobriu que Romero ( Alexandre Nero ) está vivo, e que ele forjou sua própria morte com a ajuda de Atena ( Giovanna Antonelli ). Tudo não passou de uma aposta entre os dois, sendo que Atena tinha certeza de que Tóia ( Vanessa Giácomo ) seria, sim, capaz de matar o ex-vereador.

A falsa morte de Romero traz certa estranheza, uma vez que Alexandre Nero há não muito tempo interpretou um personagem marcante que também fingiu que havia morrido: o Comendador José Alfredo, de “Império”.

Mas esses não são os únicos exemplos de personagens que bateram as botas, só que de mentirinha, em novelas. Houve várias situações em que um personagem se fez de defunto por algum motivo. Relembre personagens que retornaram da tumba:

Comendador José Alfredo ("Império)

Alexandre Nero viveu o Comendador José Alfredo
Divulgação/Globo
Alexandre Nero viveu o Comendador José Alfredo

O último personagem de Alexandre Nero na TV antes de Romero, o Comendador José Alfredo se sentiu acuado e ameaçado por todos em sua família. Prestes a ser preso, ele teve uma ideia ousada: contratou uma espécie de feiticeiro, que lhe deu uma poção para simular sua morte.

Ele tomou o conteúdo do frasco e fez toda uma encenação para que todos acreditassem que ele havia morrido. De seus filhos, a única que sabia a verdade era Cristina ( Leandra Leal ), e o auxiliou em todo o plano.

Francesca Ferreto ("A Próxima Vítima")

Francesca (Tereza Rachel)  sumiu no início da novela, mas voltou nos últimos capítulos, revelando que forjou sua morte
Reprodução/TV Globo
Francesca (Tereza Rachel) sumiu no início da novela, mas voltou nos últimos capítulos, revelando que forjou sua morte

Uma das cenas mais antológicas da teledramaturgia brasileira, o retorno da personagem Tereza Rachel em “A Próxima Vítima” chocou o público. Todos achavam que Francesca havia sido assassinada pelo serial killer misterioso da novela.

No entanto, ela forjou sua morte para que não fosse executada de fato e para esconder todos os seus segredos.

Beatriz ("Sete Pecados")

Reynaldo Gianecchini com Priscila Fantini na novela Sete Pecados
Divulgação
Reynaldo Gianecchini com Priscila Fantini na novela Sete Pecados

A personagem de Priscila Fantin na novela “Sete Pecados” aprontou poucas e boas, mas acabou se redimindo no final. No entanto, ela acabou presa e para provar sua inocência, forjou a própria morte tomando uma poção dada pela anja Custódia ( Cláudia Jimenez ) para fugir da cadeia.

No entanto, o plano por pouco não deu errado e Beatriz quase morreu sufocada dentro de um caixão. Por sorte, conseguiu ser resgatada a tempo.

Bia Falcão ("Belíssima")

Bia Falcão (Fernanda Montenegro) em
TV Globo
Bia Falcão (Fernanda Montenegro) em "Belíssima"

Uma vilã memorável, Bia Falcão ( Fernanda Montenegro ) fez de tudo na novela “Belíssima”. Mentiu, traiu, matou. Mas seu mais audacioso plano foi o de forjar sua morte para tentar tomar o controle da empresa “Belíssima”. No fim, ela foi presa e pagou por seus crimes.

Só que não! A vilã conseguiu fugir para Paris e do alto de um jatinho declarou: “Bando de idiotas”. Ela foi para Paris e terminou a novela com um garotão.

Otávio ("Babilônia")

Herson Capri como Otávio em
Rede Globo/Pedro Curi
Herson Capri como Otávio em "Babilônia"

Muito menos memorável, o vilão Otávio ( Herson Capri ) descobriu que Beatriz ( Gloria Pires ) queria matá-lo. Para que ela pensasse que conseguiu, ele fez um acordo com o bandido contratado por ele e os dois forjaram a morte do vilão. Ele voltou para se vingar, mas fracassou.

Totó ("Passione")

Passione: Clara atira em Totó
TV Globo
Passione: Clara atira em Totó

O personagem de Tony Ramos em “Passione” demorou para acreditar que sua mulher Clara ( Mariana Ximenes ) queria matá-lo para ficar com seu dinheiro. Mas ele decidiu fazer uma parceria com Diogo ( Daniel Boaventura ) para saber se a mulher teria mesmo essa coragem.

Os dois armaram para que Clara acreditasse que havia matado Totó e encenaram direitinho um assalto. No fim, Clara atirou no marido e acreditou que o matou, mas ele reapareceu e a mandou para a cadeia.

Clara ("Passione")

Clara (Mariana Ximenes) em
TV Globo
Clara (Mariana Ximenes) em "Passione"

Mas a mulher de Totó também enganou a todos. Na reta final, ela fugiu da prisão e roubou uma cantina. No asslato, ela sequestrou uma das funcionárias e durante uma perseguição policial, se atirou do carro, deixando a moça para morrer em seu lugar, uma vez que o veículo caiu de um precipício.

No entanto, a polícia não sabia que a jovem estava no carro e assumiu que Clara havia morrido. Clara então fugiu do país e terminou a novela livre e feliz.

Simone ("Selva de Pedra")

Simone (Regina Duarte) sofreu um acidente de carro em
Reprodução
Simone (Regina Duarte) sofreu um acidente de carro em "Selva de Pedra", e reapareceu loira, disfarçada como Rosana Reis

Uma das primeiras falsas mortes da história das telenovelas, Simone ( Regina Duarte ) acreditava que seu marido queria mata-la, por isso, decidiu fugir de carro com uma amiga. As duas sofreram um acidente, o carro explodiu e Simone foi dada como morta.

Mais tarde, ela voltou fingindo ser sua irmã gêmea Rosana Reis, e acabou desmascarada tempos depois, em um capítulo que rendeu à Globo 100 pontos no Ibope.

Raquel ("Mulheres de Areia")

Glória Pires interpretou as gêmeas Ruth e Raquel
Cedoc/TV Globo
Glória Pires interpretou as gêmeas Ruth e Raquel

As gêmeas mais famosas do Brasil, as personagens vividas por Gloria Pires em “Mulheres de Areia” (1993) viveram em pé de guerra. Em determinado momento da trama, houve um acidente de barco e Raquel foi dada como morta. Ruth acabou se passando pela irmã “morta”.

Só que Raquel estava vivíssima e só se fez de morta, ficando escondida em uma casa. Apenas sua mãe, Isaura ( Laura Cardoso ), sabia do segredo da filha, que decidiu voltar para se vingar de todos.

Donatela ("A Favorita")

Donatela (Claudia Raia) e Flora (Patrícia Pillar) em
TV Globo
Donatela (Claudia Raia) e Flora (Patrícia Pillar) em "A Favorita"

A personagem de Claudia Raia comeu o pão que o diabo amaçou em “A Favorita”. Depois de ser injustamente condenada pela morte do marido em um plano orquestrado por sua inimiga Flora ( Patricia Pillar ), ela ainda passou poucas e boas na cadeia.

Para fugir, ela trocou de lugar com outra detenta, Diva ( Giulia Gam ), e conseguiu sair da prisão. No entanto, um incêndio atingiu a penitenciaria e Diva, disfarçada de Donatela, foi dada como morta. Logo, todos acharam que a mocinha da novela havia morrido. Mais tarde, foi descoberto que nem sequer Diva estava morta.

Morena ("Salve Jorge")

Rodrigo Lombardi e Nanda Costa em
Reprodução
Rodrigo Lombardi e Nanda Costa em "Salve Jorge"

A protagonista de “Salve Jorge” também sofreu muito para viver seu amor com Théo ( Rodrigo Lombardi ). Morena ( Nanda Costa ) foi enganada e acabou sendo traficada pra a Turquia, para trabalhar como garota de programa. Em determinado momento da trama, ela conseguiu fugir do local onde estava presa e ocorreu uma grande explosão na rua.

Uma jovem morreu e acabou sendo identificada como Morena, que foi dada como morta. Morena usou isso como uma forma de silenciosamente agir contra os vilões da história.

Roque ("Roque Santeiro")

José Wilker como Roque
Reprodução/Memória Globo
José Wilker como Roque

Talvez um dos casos mais famosos, a falsa morte do protagonista de “Roque Santeiro” vivido por José Wilker foi o eixo da brilhante novela de Dias Gomes e Aguinaldo Silva . Na trama, Roque havia morrido há 17 anos e seu nome virou lenda, chegando a ser visto como um santo. Mas Roque nunca morreu, apenas fugiu da cidade, e seu retorno deixa os poderosos do local apavorados, em especial a fogosa Viúva Porcina (Regina Duarte).