Durante estreia do programa, na terça-feira (20), perfis fizeram comentários criminosos em relação a uma das participantes. Nas redes, revolta e ameaça de linchamento

Os jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin no Masterchef Júnior
Carol Gherardi/Band
Os jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin no Masterchef Júnior

A estreia do “MasterChef Júnior” pela Band, na terça-feira (20), foi marcada pela fofura dos jurados e 6 eliminações logo de cara . Pelo Twitter, no entanto, comentários pedófilos em relação a uma das participantes mirins geraram revolta e ameaça de linchamento.

Reprodução
"xxxxxx tem 12 anos acho q já aguenta fazer um filme porno", disse um perfil

Durante a transmissão, alguns perfis fizeram comentários maldosos e completamente desnecessários sobre uma das crianças, em tom de piada.

“Você pode perder o masterchef mas acabou de ganhar um namorado”, disse Laun Castro (@luantipatico), um homem barbado claramente adulto com mais de 17 mil seguidores. “xxxxxxx tem 12 anos acho q já aguenta fazer um filme porno”, disse outro.

A reportagem preferiu não citar o nome da concorrente para não a expor ainda mais.

A reação no Twitter foi de total revolta. “É por isso que eu odeio competição com crianças, o mundo é escroto e não tem limite nenhum”, disse uma tuiteira. “Os caras comentam que a xxxxxxx é gata já estão rastreando a conta pra lincharem em praça publica por estupro e pedofilia”, afirmou outra. Laun Castro apagou os tuítes, mas prints circulam pela rede.

Procurada, a Band informou que "repudia e lamenta" o que classificou como "manifestações de extremo mau gosto". Veja o comunicado na íntegra:

"A Band repudia e lamenta essas desagradáveis manifestações de extremo mau gosto. O foco do programa é o talento das crianças, e nem de longe, há qualquer provocação a esse tipo de estímulo."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.