Tamanho do texto

Ator falou no "Vídeo Show" sobre "Despedida de Casado", em que faria par com Regina Duarte, e afirma que a série dos caminhoneiros "não devia ter saído do ar"

Antônio Fagundes falou sobre a censura à novela "Despedida de Casado", que estrelaria em 1977, ao participar do "Video Show" desta terça-feira (29) para relembrar personagens marcantes de sua carreira.

Antonio Fagundes relembrou personagens no
Reprodução
Antonio Fagundes relembrou personagens no "Vídeo Show"


"A novela tratava de divórcio e psicanálise, era eu e a Regina Duarte (que viveriam o par romântico Rafael e Estela). Gravamos 20 capítulos e o (diretor) Walter George Durst mandou para avaliação da Censura, que cortou. Então Fizemos "Nina", em seguida, com o mesmo elenco", recorda. 

Stênio Garcia e Antônio Fagundes em Carga Pesada
João Miguel Júnior/TV Globo
Stênio Garcia e Antônio Fagundes em Carga Pesada


Dois anos depois, Regina protagonizou "Malu Mulher", que tratava do mesmo tema, e Fagundes a série "Carga Pesada" ao lado de Stênio Garcia . O programa, que foi ao ar até 1981, voltou ao ar entre 2003 e 2007. "Insisti durante 20 anos para que 'Carga Pesada' voltasse, escrevi o episódio piloto e durou cinco anos. Não devia ter saído do ar", afirmou.

Uma das frases mais populares de seu personagem, Pedro ("É uma cilada, Bino!"), é é lembrada até hoje. "Virou um meme", diverte-se. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.