Conrad, irmão de Paris Hilton, terá que realizar serviço social além de pagar multa após tumulto em avião

O Dia

O irmão mais novo da socialite norte-americana Paris Hilton , Conrad , foi condenado a 750 horas de serviço comunitário por ter tumultuado um voo da British Airways em julho do ano passado. O herdeiro da cadeia de hotéis de luxo "Hilton", terá que pagar uma multa de US$ 5 mil e deverá se submeter a um tratamento psicológico para controlar sua agressividade e seu abuso de substâncias ilegais.


Com apenas 21 anos, o jovem foi ao tribunal na ultima terça-feira (16), para definir a sua sentença em relação à confusão causada por ele em vôo da companhia aérea britânica que ia de Londres a Los Angeles. No episódio, Conrad teria insultado a equipe e os passageiros, chamando-os de "plebeus" e ameaçando de morte alguns comissários à bordo. De acordo com a mídia norte-americana, o rapaz estava alterado e precisou ser algemado ao seu assento.

O irmão de Paris se disse culpado das acusações, pediu desculpas e disse que nunca mais fará algo do gênero. O bilionário ainda conta com outros processos contra ele, como o de direção imprudente enquanto fugia de policiais em agosto de 2014.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.