O apresentador falou sobre a virada em sua carreira com o "Agora é Tarde"


Rafinha Bastos participou do jantar de gala da Make-A-Wish, que aconteceu na noite desse sábado (1), em São Paulo. O apresentador falou sobre o momento que vive com o bom desempenho do "Agora é Tarde".

"Estou muito feliz, encontramos uma maneira de fazer do meu jeito, ainda é muito novo, eu desci numa nave que quando subiu não era comigo, esse período de readaptação é muito demorado, mas é gostoso de fazer. Ainda não é exatamente como eu quero, mas estamos caminhando".

Após toda a polêmica de sua saída da Band, por conta de uma piada com a cantora Wanessa, Rafinha vê a volta à emissora no comando do "Agora É Tarde" como uma oportunidade de mostrar mais facetas desconhecidas pelo público. "Esse programa está dando a oportunidade das pessoas conhecerem um outro lado meu fora da piada. Diferentemente do 'CQC' e da 'A Liga', ali eu consigo mostrar um pouco mais quem sou eu", disse.

Comparações

Rafinha também comentou que ainda exitste comparação com Danilo Gentili , que deixou o "Agora é Tarde" para fazer o "The Noite", no SBT. "Eu sabia que era um peso que eu iria carregar, ainda carrego muito, é um programa que nasceu com ele, então, parece que eu entrei num avião que ele deixou voando. Tive que lutar muito contra esse estigma, mas é normal. O 'CQC' já existia há 15 anos quando começamos aqui, 'A Liga', há 12 anos. Nem sempre você vai fazer algo que é seu, mas você vai adaptando para ficar mais parecido com você", disse. "Essa comparação, quero que acabe. Ela não me incomoda profundamente porque eu sabia que iria acontecer, estava preparado para isso".

 Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba notícias dos famosos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.