Tamanho do texto

Ator protagoniza cenas quentes na série "Fim do Mundo", exibida pelo Canal Brasil; em alta, Jesuíta é destaque no prêmio Melhores do Ano da TV Globo

Jesuíta Barbosa está dando o que falar dentro e fora de cena. O ator, que recentemente protagonizou cenas de sexo com Bruna Marquezine em "Nada Será Como Antes", da TV Globo, apareceu em outra sequência ousada, desta vez na série "Fim do Mundo", em exibição no Canal Brasil. 

LEIA MAIS: "Fim do Mundo" conta história aterradora de Brasil arcaico

Após cena de sexo com Marquezine, Jesuíta Barbosa dá beijo triplo em série
Reprodução/Canal Brasil
Após cena de sexo com Marquezine, Jesuíta Barbosa dá beijo triplo em série


Em " Fim do Mundo ", Jesuíta Barbosa interpreta Cristiano, um jovem que acaba de sair da prisão e é obrigado a mudar de cidade junto com sua mãe, Vitória (Hermila Guedes). Na pequena cidade de Desterro, no interior nordestino, Cristiano se envolve ao mesmo tempo com Pedro (Artur Maia) e Liana (Hermínia Mendes). 

No quinto episódio da série, exibido na madrugada de sábado (17) pelo Canal Brasil, os três personagens se rendem ao desejo e protagonizam uma cena de beijo triplo. 

LEIA MAIS: Bruna Marquezine cresce e se mostra à vontade em cenas de sexo na TV

Jesuíta, por sinal, está com o currículo repleto por cenas quentes e ousadas. Na pele de Davi, em " Nada Será Como Antes ", o ator gravou uma cena de sexo com Beatriz, interpretada por Bruna Marquezine . Já na série " Justiça ", exibida em agosto pela TV Globo , ele protagonizou mais cenas quentíssimas ao lado de Deborah Bloch e Marina Ruy Barbosa.

Cristiano, Pedro e Liana se beijam em
Reprodução/Canal Brasil
Cristiano, Pedro e Liana se beijam em "Fim do Mundo"


Ator é destaque no Melhores do Ano da Globo

O trabalho de Barbosa na TV ao longo de 2016 já rende frutos ao ator. Durante o prêmio Melhores do Ano do "Domingão do Faustão", Jesuíta desbancou Cauã Reymond e Lázaro Ramos, levando para casa o prêmio de Melhor Ator de Série pelo personagem Vicente, que deu o que falar na série "Justiça".

LEIA MAIS: Melhores do Ano tem Luan Santana em dose dupla e tombo de Ivete Sangalo

Em seu discurso, Jesuíta Barbosa afirmou que nunca sofreu resistência por parte de sua família para seguir na carreira artística e desabafou: "Infelizmente, é difícil celebrar a cultura no Brasil. Saber que a pessoa vai seguir uma profissão de artista já não é bem visto. A gente vive em um mundo muito capital, então tem esse problema. Mas eu acho que cada vez mais, se a gente puder entender que a cultura é um facilitador que abre caminhos, que dá oportunidades para a gente desenvolver o ser humano, as coisas vão melhorando".

Jesuíta Barbosa desbancou Cauã Reymond e Lázaro Ramos
Reprodução/Globo
Jesuíta Barbosa desbancou Cauã Reymond e Lázaro Ramos


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.