iG - Internet Group

iBest

brTurbo

iG Gente


Pesquisar:

enhanced by Google


Home iGGenteNotícias

Notícias


10/10 - 15:15

Da ruína à recuperação? Amy Winehouse promete novo álbum e shows para 2011. Relembre a trajetória de altos e baixos da cantora...

Adriana Sampaio, especial para o iG


Reprodução/Grosby Group/Getty Images

 

Amy Winehouse declarou nesta última semana que está livre das drogas há quase três anos e que usou muito menos substâncias do que todos imaginam. Prometeu ainda um novo álbum para 2011. Verdade ou não, fato é que a cantora vem lutando contra o vício das drogas (cocaína, heroína e crack) e o álcool, desde que explodiu com o hit “Rehab”, de seu segundo disco “Back to Black”, em 2006.


Com a aparência mais saudável, Amy lembra agora a fase de seu primeiro disco, “Frank”, lançado em 2003, época em que a cantora ainda circulava pelas ruas de Londres, onde mora, sem os ossos do corpo à mostra ou manchas e lesões espalhadas na pele.

 
O sucesso repentino e o casamento conturbado com o também dependente químico Blake Fielder-Civil, em 2007, tiraram a cantora do eixo, e ela passou por muitas internações para curar o vício. Em 2008, por exemplo, Amy foi notícia muito mais por seus escândalos do que por seu talento. E olha que foi nesse ano que ela levou 5 Grammys pra casa...

 

Getty Images/ Brainpix/Grosby Group

 


Sucesso e excesso


O hit “Rehab” virou febre mundial em 2007 e, com mais de 5 milhões de cópias vendidas só no ano do lançamento, Amy entrou na lista dos cantores milionários do Reino Unido. Junto com o sucesso e o dinheiro, ela começou a usar e abusar das drogas. Protagonizou diversos escândalos, teve uma overdose, foi presa por agressão e fotografada diversas vezes seminua vagando pelas ruas de Londres.


 

Grosby Group/Getty Images
A pele de Amy mostrava o abuso das drogas em 2008. Já na última quinta (7), a cantora apareceu de 'cara limpa' em show londrino

 

 

Em maio de 2008, Amy deu outro vexame e dessa vez em cima do palco. Para sua apresentação no Rock in Rio Lisboa, apareceu bêbada, esqueceu as letras das músicas, quase caiu do palco e chorou ao falar do marido que ainda estava preso. Para completar, estava com hematomas roxos no rosto e com uma atadura na mão direita que a impedia de segurar o microfone.


Também em 2008, um vídeo de 19 anos onde ela aparecia cheirando cocaína e ecsatsy em pó e fumando crack foi parar na internet. Foi quando seu pai Mitch Winehouse decidiu interná-la em uma clínica de reabilitação. Amy, no entanto, passou por diversas internações. Em uma das clínicas, ela foi diagnosticada com enfisema pulmonar, por uso abusivo do cigarro e do crack. 

 

Reprodução
Capa do tabloide inglçês "The Sun", que divulgou video da cantora supostamente fumando crack e cheirando cocaína e ecstasy

 

 


AMOR JUNKIE


Blake Fielder-Civil e Amy Winehouse se casaram em segredo, em Miami, em maio de 2007. O relacionamento dos dois foi seguido de perto pelos paparazzi, que certa vez registraram o casal com hematomas e arranhões no corpo, depois de um briga no meio da rua.

 

Brainpix/Grosby Group
Amy e Blake entre tapas, beijos e muitas drogas 

 


O romance durou pouco: em novembro de 2007, Blake foi preso por agredir um homem em um pub e foi condenado a 27 meses na prisão. Durante esse tempo, Amy tentou se curar: passou por internações e passou seis meses na ilha de Santa Lucia, no Caribe. Ela dizia estar livre das drogas, mas não abriu mão do consumo excessivo do álcool. Segundo o jornal “The Sun”, a cantora e um grupo de amigos gastaram cerca de R$ 40 mil no bar do hotel em apenas alguns dias por lá.

 

 

Reprodução/Brainpix
Amy em Santa Lucia, no Caribe: longe das drogas e com o corpo mais saudável, ela começa a deixar o passado para trás...

 


Em novembro de 2008, o marido da cantora saiu da prisão e foi direto para uma clínica, cumprir o resto da pena. Lá engravidou uma “fã”, que o foi visitar. O casal se divorciou em julho de 2009. Três meses depois, no entanto, Blake e Amy reataram, ficaram noivos, mas não chegaram a se casar. No fim do ano, Amy se internou novamente e ao sair da reabilitação assumiu um novo namoro, com o cineasta Reg Traviss. O relacionamento também é cheio de indas e vindas.

 

Getty Images
Amy, mais saudável após sua última temporada na reabilitação, ao lado do cineasta Reg Traviss

 


Recaída e ressurgimento


Apesar de algumas recaídas em julho e agosto, quando fotógrafos flagraram a cantora alcoolizada na saída de shows e festas fazendo poses obscenas e caretas, esta parece ser mesmo uma nova fase para Amy Winehouse. Com o novo álbum no forno e shows na agenda - seis deles, aliás, em 2011 no Brasil, resta torcer para que a cantora, dona de um vozeirão e de coração frágil, dê a volta por cima. 

 

Brainpix
Amy canta no show do pai, na última quinta (7): recuperada?




Compartilhe



Você tem mais informações? Envie para o Minha Notícia


IMPRIMIR

|

ENVIE POR EMAIL

|

ADICIONE A FAVORITOS

|

iG CELULAR


.



.

.



Contador de notícias