Tamanho do texto

Aos 53 anos e amigo do falecido ícone do rapper Tupac, Suge Knight foi inicialmente acusado de tentativa de assassinato e atropelamento com fuga

Suge Knight, conhecido como um dos empresários da indústria musical que marcou a história do hip hop , foi condenado a 28 anos de prisão nos Estados Unidos por atropelar e matar um homem há três anos. Empresário e cofundador da Death Row Records, o empresário se declarou culpado ante o Tribunal Superior de Los Angeles.

Leia também:Alexandre Frota é condenado a indenizar Gilberto Gil por postagens ofensivas

Tupac e Suge Knight
Reprodução
Tupac e Suge Knight

Aos 53 anos de idade e amigo do falecido ícone do rapper Tupac, Suge Knight foi inicialmente acusado de tentativa de assassinato e atropelamento com fuga. O caso aconteceu em janeiro de 2015, quando o empresário e Cle “Bone” Sloan, consultor do filme “Straight Outta Compton: A História do N.W.A”, brigaram e trocaram socos em uma lanchonete em Compton, Los Angeles.

Leia também:Marcio Garcia é condenado a pagar R$ 80 mil a ex-fiador por danos morais

O crime aconteceu logo após a confusão. O empresário do mercado do hip hop acabou atropelando um homem, chamado Erry Carter, que acabou morrendo. Câmeras de segurança próximas ao local flagraram o atropelando.

Os advogados de Knight alegaram que ele agiu em legítima defesa depois da discussão com os dois homens que estavam trabalhando no filme de hip-hop de Hollywood. Na época, o caso fez com que o filme tivesse grade repercussão em meio a polêmicas.

Prisão de Suge Knight

Suge Knight
Reprodução
Suge Knight

Ao todo, Knight foi condenado a 22 anos de pena pelo assassinato e mais seis por violação de condicional, sendo que havia previsão que ele pudesse pegar prisão perpétua. A audiência aconteceu há duas semanas, mas a sentença passar a valer a partir desta quinta – feira (04).

Esse tipo de crime de assassinato geralmente leva uma sentença de 11 anos, no entanto, Ronald S. Coen, juiz do Tribunal Superior de Los Angeles, acrescentou anos a mais por conta dos crimes anteriores de Knight. Entre suas violações estão assalto à mão armada e agressões.

Leia também: Bill Cosby é condenado à prisão por casos de abuso sexual 

Suge Knight foi preso por violar sua condicional ao se envolver em uma briga em Las Vegas, em 1997. Já em 2014, ele foi acusado de roubar uma câmera de uma mulher e de enviar mensagens de texto ameaçadoras para o diretor o F. Gary Gray, de “Straight Outta Compton”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.