Tamanho do texto

O humorista fez parceira com outros sete compositores em "O conto do Vigário" que venceu as eliminatórias da escola para o próximo carnaval

Na madrugada deste domingo (06) foi escolhido o samba enredo da São Clemente para o Carnaval 2020. O vencedor das eliminatórias foi o enredo “O conto do vigário”, do carnavalesco Jorge Silveira, e que foi escrito por Marcelo Adnet.

Leia também: Pedro Scooby é flagrado aos beijos com modelo no RiR em dia de Anitta

adnet arrow-options
Reprodução/ Instagram
Marcelo Adnet fez parceria com outros sete compositores no samba "O conto do Vigário" que estará na passarela do samba em 2020

Leia também: Thaila Ayala e Renato Góes se casam em cerimônia no Pernambuco

A escola promoveu dois meses de eliminatórias com três sambas. Além de Marcelo Adnet e seus companheiros (André Carvalho, Pedro Machado, Gustavo Albuquerque, Gabriel Machado, Camilo Jorge, Luiz Carlos França e Raphael Candela), as parcerias de Nelson Amatuzzi e Thiago Martins também estavam na disputa.

Nas redes sociais, o humorista agradeceu a São Clemente pela escolha de sua música. “Como faz para não se render ao calor de sua quadra, à simpatia e a sinceridade do seu chão”, escreveu. Veja abaixo a postagem no Instagram.

O Carnaval 2020 acontecerá entre os dias 21 e 26 de fevereiro. O desfile do grupo especial do Rio de Janeiro será nos dias 23 e 24, sendo a São Clemente a primeira a desfilar na segunda-feira, as 22h00.

Leia também: Anitta e Vitão juntos? Cantores posam coladinho antes de show no Rock in Rio

Confira a letra do samba enredo de Marcelo Adnet :

 O sino toca na capela e anuncia
Nossa Senhora começou a confusão!
Quem vai ficar com a imagem de Maria?
O burro vai tomar a decisão
Mas o jogo estava armado
Era o conto do vigário
Nessa terra fértil de enredo
Se aprende desde cedo
Todo papo que se planta dá
Dom João deu uma volta em Napoleão,
Fez da colônia dos malandros capital
Trambique, patrimônio nacional
Tem laranja!
“Na minha mão, uma é três e três é dez!”
É o bilhete premiado vendido na rua
Malandro passando terreno na lua!
Hoje, o vigário de gravata
Abençoa a mamata,
Lobo em pele de cordeiro
“Trago em três dias seu amor”
“La garantia soy yo!”
“Só trabalho com dinheiro”
Chamou o VAR, tá grampeado,
Vazou, deu sururu,
Tem marajá puxando férias em Bangu!
Balança na rede
Abre a janela, aperta o coração
O filtro é fantasia da beleza
Na virtual roleta da desilusão
Brasil, compartilhou, viralizou, nem viu!
E o país inteiro assim sambou
“Caiu na fake news!”
Meu povo chegou ôô!
A maré vai virar, laiá!
Na ginga, pra frente, lá vem São Clemente
Sem medo de acreditar!