Tamanho do texto

Depois de quase cinco anos sem se apresentar no Brasil, Arctic Monkeys retorna com novo álbum e se apresenta em São Paulo e no Rio de Janeiro

Mais uma vez, Arctic Monkeys é uma das principais atrações do Lollapalooza Brasil. A banda britânica participa do festival aqui no Brasil desde a primeira edição e já fez vários shows no País.

Leia também: Arctic Monkeys busca o novo em trabalho inconsistente

Arctic Monkeys se apresenta no primeiro dia de Lollapalooza
Reprodução/Instagram
Arctic Monkeys encerra o primeiro dia de Lollapalooza Brasil

Depois de quase cinco anos longe do Brasil, Arctic Monkeys volta ao país para se apresentar no Lollapalooza. A banda foi formada em 2002, mas começou a deslanchar ainda mais em 2013 com o álbum “AM” que conquistou ainda mais fãs pelo mundo.

Na época em que o álbum foi lançado, Alex Turner revelou aos fãs como surgiu o nome do CD. “Eu roubei do Velvet Underground, vou confessar agora para já esclarecer. Do disco ‘VU’, obviamente. Algo me diz que esse disco é exatamente onde deveríamos estar agora, então senti que era a coisa mais certa colocar as iniciais da banda em seu título”, explicou.

Depois do lançamento desse álbum, considerado um dos mais bem sucedidos da carreira deles, em maio de 2013 os meninos britânicos começaram uma série de apresentações para divulgar o trabalho. Em alguns festivais internacionais como Glastonbury, a banda foi uma das atrações principais e na passagem pelo Brasil no mesmo ano, eles lotaram o Anhembi.

Leia também: Jorja Smith, The Struts e os alternativos imperdíveis do Lollapalooza 2019

O “AM” é o quinto álbum da banda e foi gravado no estúdio Rancho de La Luna, na Califórnia, mesmo local em que bandas como Queens of The StoneAge, Kyuss, earthlings? e Fu Manchu também usaram para produzir seus álbuns.

O álbum também teve participações de Josh Home (Queens Of The Stone Age), Bil Ryder-Jones (The Coral, Solo) e Pete Thomas, baterista reconhecido por tocar com Elvis Costello. Eles também aproveitaram para lançar o CD em formato de LP com duas faixas extras.

Depois de cinco anos, em 2018 Arctic Monkeys lança álbum
Reprodução/Instagram
Depois de cinco anos sem álbum, a banda lançou em 2018 o “Tranquility Base Hotel & Casino”











Leia também: Lollapalooza tem edição mais LGBT de todos os tempos, mas não abraça a bandeira

Conforme o grupo foi conquistando fãs, surgiram alguns questionamentos referentes ao nome da banda. No começo, o público achou que o nome tinha relação com a cor da guitarra do vocalista Alex Turner, que era Arctic White. Mas logo explicaram que foi o guitarrista, Jamie Cook, que inventou o nome e nunca disse de onde veio.

Depois de cinco anos sem gravar nenhum álbum, a banda de indie rock surpreendeu os fãs ao lançar um novo álbum “Tranquility Base Hotel & Casino” e um documentário sobre a produção desse projeto.

A participação no festival faz parte da turnê desse álbum e antes do show em São Paulo, a banda britânica passam pelo Rio de Janeiro e se apresentam nesta quarta-feira, 3 de abril.

O Arctic Monkeys participou da primeira edição do Lollapalooza Brasil em 2012 e no mesmo ano marcou presença no Lollapalooza de Chicago. Agora em 2019, eles encerram o primeiro dia do festival no palco Budweiser, na sexta-feira 5 de abril.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.