Tamanho do texto

Com tom intimista, painel teve perguntas dos fãs para brasileiro responsável pelo design dos objetos gráficos da franquia Harry Potter

Harry Potter não pode faltar em uma convenção de cultura pop e a CCXP 2018 reservou um painel especial para os fãs da criação de  J.K. Rowling . O painel “Um Brasileiro no Mundo Bruxo de J.K. Rowling” contou com muitos fãs e fez com que Eduardo Lima, brasileiro radicado em Londres, experimentasse um dia de superstar com alguns expectadores confessando seguir a carreira de designer gráfico por influência de seu trabalho nos filmes da franquia.

Leia também: Os destaques do segundo de CCXP 2018

Painel especial para os fãs de Harry Potter na CCXP 2018
Reinaldo Glioche/iG
Painel especial para os fãs de Harry Potter na CCXP 2018


Dizendo torcer para que o terceiro “Animais Fantásticos” tenha realmente o Brasil como locação, Lima, que tem junto com sua sócia um pequeno escritório que é responsável pelo designer de objetos gráficos da franquia desde “A Pedra Filosofal” (2001), disse que o Daily Prophet, o jornal bruxo, é sua criação favorita. “Tanto é que o estou vestindo”, brincou sobre a camiseta que usava no painel marcado pelo clima intimista e que fechou a programação do auditório Ultra no segundo dia da  CCXP 2018 .

Leia também: Com "O Rei Leão" e "WiFi Ralph", Disney tem encontro de gerações na CCXP 2018

“Quando eu comecei a trabalhar nos filmes eu não imaginava que estava criando essa linguagem gráfica usada nos filmes, parques e em todo esse universo”, comentou. Citando “O Prisioneiro de Askaban” (2004) como seu filme favorito da franquia (“o jeitinho latino de fazer cinema”), Lima ofertou alguns detalhes do processo e de como trabalha com os outros departamentos de arte envolvidos na franquia e os diretores.

Painel especial para os fãs de Harry Potter na CCXP 2018
Reinaldo Glioche/iG
Painel especial para os fãs de Harry Potter na CCXP 2018


Leia também: "Matar o Superman foi chilique", conta desenhista na CCXP 2018

Como curiosidade, o brasileiro disse que J.K. Rowling é sempre atenciosa e generosa com ele e sua sócia e suas ideias e que a Warner licenciou para os produtos que eles criaram para o universo Harry Potter para serem replicados em uma galeria que mantêm em Londres. Lima disse na  CCXP 2018  ter o desejo de abrir uma filial dessa galeria no Brasil. Bem como que a terceira aventura de Newt Scamander tenha cenas em Caxambu, cidade do Sul de Minas. Sonhos não tão distantes quanto pode parecer.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.