Tamanho do texto

Certamente um dos maiores nomes do cinema em todos os tempos, Steven Spielberg completa 70 anos neste domingo e há muito o que comemorar

Talvez o termos “lenda” seja pouco para definir a envergadura de um dos maiores diretores de cinema de todos os tempos. Steven Spielberg – o “midas” da sétima arte – completa 70 anos nesse domingo (18) e reunimos dez motivos para celebrar a incrível carreira de uma das personalidades que mudou o curso da indústria do entretenimento e foi o responsável por transformar Hollywood no que conhecemos hoje.

Leia mais:  Spielberg retorna a aventuras familiares em "O Bom Gigante Amigo"

Para quem deseja comemorar essa data tão importante para a cinefilia, a Rede Telecine programou uma homenagem a Steven Spielberg . As produções "Ponte dos Espiões", "Prenda-me se For Capaz", "O Resgate do Soldado Ryan", "A.I: Inteligência Artificial" e "Tubarão" serão exibidas nos canais da rede ao longo de todo o dia, começando às 10h50. Muitos outros filmes do cineasta, como "Caçadores da Arca Perdida", "Minority Report", "Munique" e "Jurassic Park - O Parque dos Dinossauros" podem ser assistidas a qualquer momento no Telecine Play.

Steven Spielberg: uma dos maiores cineastas da geração está completando 70 anos neste domingo (18)
Divulgação
Steven Spielberg: uma dos maiores cineastas da geração está completando 70 anos neste domingo (18)


10 – Clássicos

Reprodução
"E.T. - O Extraterrestre" foi um dos mais impactantes filmes do diretor Steven Spielberg da geração na cultura pop


O diretor americano tem uma cota de filmes maiores que a vida e eles estão intrinsicamente ligados à história do cinema: “ Tubarão ” (1975), “ Os Caçadores da Arca Perdida ” (1981), “ E.T. – O Extraterrestre ” (1982) e “ Jurassic Park ” (1993) são alguns dos títulos mais impactes da cultura pop dirigidos. São mais de 40 anos contando histórias extraordinárias nas telas como ninguém.

9 – Cinema Adulto

Reprodução
"A Cor Púrpura" é um dos filmes que abordam questões mais adultas e sérias do diretor Steven Spielberg


Há quem não se contente com esses filmes por achá-los “populares” demais, mas, Spielberg não se reduz a universos fantásticos de encher os olhos. O diretor também foi o responsável por “ A Cor Púrpura ” (1985) – um drama sobre uma afro-americana vítima de abuso, intolerância e que passa por diversos conflitos ao longo de sua vida –, “ A Lista de Schindler ” (1993), uma emocionante história sobre milhares de vidas que foram salvas das garras do nazismo,  “ O Resgate do Soldado Ryan ” (1998), um filme épico sobre a busca por um soldado durante a segunda guerra mudnial e  "Lincoln" (2012), que flagra os esforços de um dos mais populares presidentes dos EUA pela abolição da escravidão.

8 - Produtor tenaz

Reprodução
"De Volta Para o Futuro": Spielberg atuou como produtor do filme futurista que foi um enorme sucesso


Ao longo de mais de 40 anos de trabalho na indústria do cinema, Spielberg já contemplou os mais diversos segmentos com seu olhar único na hora de criar novos universos e contar histórias. Como roteirista ou produtor, ele fez parte de filmes como “Gremlins” (1984), comédia que atravessou o tempo e, até hoje, diverte qualquer um, “Os Goonies” (1985), “ De Volta Para o Futuro ” (1985), “Homens de Preto” (1997), “A.I. – Inteligente Artificial” (2001) e “Transformers” (2007). Alguém ainda desconfia das façanhas do diretor depois desse vislumbre de sua filmografia?

Leia mais:  Trágico, “Rogue One” é o melhor “Star Wars” desde “O Império Contra-Ataca”

7 - Dono de estúdio premiado

Reprodução
"Beleza Americana", do estúdio Dreamworks, ganhou o Oscar de melhor filme no ano de 2000


Em 1997, Steven Spielberg, ao lado de Jeffrey Katzenberg e David Geffen, criou o estúdio de cinema  Dreamworks . Apesar de hoje pertencer à Universal, pouco tempo depois de seu nascimento a Dreamworks brilhou por três anos consecutivos na cerimônia do Oscar , acabando com a “seca” de prêmios dedicados a grandes estúdios. Em 2000,  com “Beleza Americana”, e nos anos seguintes com “Gladiador” e “Uma Mente Brilhante”, esses últimos em coprodução com a Universal.

6 - E por falar em prêmios...

Reprodução
"O Resgate do Soldado Ryan" rendeu diversas estatuetas do Oscar para o diretor Steven Spielberg


 Desde 1973, quando recebeu sua primeira nomeação no Avoriaz Fantastic Film Festival, o diretor já recebeu mais de 240 indicações aos mais variados prêmios e categorias. São 16 indicações ao Oscar e três vitórias. Duas como diretor, pelos filmes "A Lista de Shindler" e "O Resgate do Soldado Ryan", e uma como produtor pelo primeiro. Ao Globo de Ouro foram 12 nomeações, com duas vitórias pelos mesmos filmes. 

5 - Quebrando recordes

Reprodução
"Tubarão" quebrou recordes de bilheteria no ano em que foi lançado e estabeleceu um novo nível no cinema


Como foi dito, o diretor mudou o rumo da história do cinema com suas produções. Um dos pontos em que seus filmes foram importante divisor de águas foi na bilheteria . Em 1975 “Tubarão” bateu o recorde mundial faturando US$ 100 milhões e, assim, elevou a bilheteria das salas de cinema a um novo patamar que jamais tinha sido alcançado antes – além de ter passado “meras” 14 semanas no primeiro lugar de mais assistidos. Menos de dez anos depois, “E.T. – O Extraterreste” quebraria, novamente, um recorde: foram arrecadados US$ 359 milhões. Uma vez é bom, duas são ótimas, mas três são demais? “Jurassic Park”, em 1993, chegou ao incrível número de US$ 914 milhões, consolidando de uma vez por todas a capacidade de Spielberg lotar as salas de cinema.

 4 - Poderoso

Com cerca de US$ 3,7 bilhões em conta, Steven Spielberg fica atrás apenas de George Lucas com sua fortuna
Divulgação
Com cerca de US$ 3,7 bilhões em conta, Steven Spielberg fica atrás apenas de George Lucas com sua fortuna


É claro que com produções tão rentáveis, a “pequena” fortuna pessoal do diretor também deixa qualquer um de boca aberta. De acordo com a lista deste ano da revista americana Forbes , Steven Spielberg tem nada menos do que US$ 3,7 bilhões em conta, tornando-o uma das pessoas mais ricas de todo o planeta. O único diretor de cinema a sua frente é George Lucas, da franquia “Star Wars”.

3 - Parceiros nas telas

Harrison Ford vive Indiana Jones, o personagem criado por Spielberg para o cinema
Divulgação
Harrison Ford vive Indiana Jones, o personagem criado por Spielberg para o cinema


Não é segredo que diretores costumam ter atores favoritos para estrelarem seus filmes – e Steven Spielberg não é diferente: entre os seus “queridinhos” estão Tom Hanks , que começou a trabalhar com o diretor em “O Resgate do Soldado Ryan”, há mais de 20 anos, Richard Dreyfuss, que atuou em “Tubarão”, e Harrison Ford, o eterno Indiana Jones. Além dos atores, o compositor John Williams também é constantemente escalado para dar vida às músicas de seus filmes, assim como Michael Kahn, que edita as produções, e o fotógrafo Janusz Kaminski.

2 - Cineasta de paixões

Reprodução
"A Lista de Schindler" foi um filme em que o diretor Steven Spielberg decidiu falar sobre o povo judeu


O hall de grandes filmes produzidos por Spielberg é muito extenso – afinal, são mais de 40 anos de carreira. Entretanto, o diretor levou anos até se formar na universidade e ter, formalmente, o diploma da área. Logo após iniciar seus estudos na California State University, Spielberg conseguiu um trabalho da Universal Studios, onde rodou um de seus primeiros curtas. A qualidade e o desempenho da produção chamaram a atenção do estúdio que lhe ofereceu um contrato de sete anos, e, então, o mestre do cinema deixou a faculdade, se tornando o diretor mais jovem já contratado por um grande estúdio até então. Ele só viria a finalizar a faculdade muitos anos depois, em 2002. Outra característica peculiar é sua preferência por produzir filmes com os quais se identifica de alguma forma – por exemplo, “A Lista de Schindler” fala sobre vítimas do regime nazista e isso não é apenas um mero acaso; Steven Spielberg é judeu e, por esse motivo, decidiu levar a temática para o cinema.

Leia mais:  Épico,1º trailer de “Transformers: O Último Cavaleiro” tem confronto de autobots

 1 - O que ainda vem por aí?

Reprodução
"Transformers" está na lista de filmes futuros do diretor Steven Spielberg


Aposentadoria? Pelo visto essa não é uma palavra que faz parte do dicionário do diretor. De acordo com dados do IMDb , há pelo menos 17 títulos com o nome de Spielberg envolvido em algum nível de sua produção. “Gremlins 3”, “The Adventures of Tintin: Prisioners of the Sun”, “The Kidnapping of Edgardo Mortara” e “Transformers: The Last Knight” são alguns exemplos de produções com o dedo do artista que chegam no futuro próximo. Em 2019, Steven Spielberg lança um novo “Indiana Jones”.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas