Tamanho do texto

Após ficar famosa com um tuíte de Katy Perry, cantora canadense comemora a força da internet: "Se não fosse isso, eu não seria ninguém"

Allie X pode não ser tão conhecida como as popstars Katy Perry, Taylor Swift e Rihanna , mas tem uma coisa que todas elas têm: uma base de fãs no Brasil. E eles são tão apaixonados que fizeram com que a cantora viesse ao País para ver de perto todo esse amor.

Leia mais: Demi Lovato é a atração principal do Z Festival; veja o lineup completo

Com muitos fãs no Brasil, Allie X faz o primeiro show no País nesta sexta-feira (9), em São Paulo
Divulgação
Com muitos fãs no Brasil, Allie X faz o primeiro show no País nesta sexta-feira (9), em São Paulo

"Eu não sei por que eles me amam", confessou Allie X em entrevista ao iG em um hotel em São Paulo. A cantora faz shows na capital paulista nesta quinta (8) e sexta-feira (9). "Eu não sei exatamente como isso aconteceu, mas é um bom sentimento saber que tem gente que acredita em mim em todo o mundo", comemorou.

"Eu acho que meus fãs brasileiros curtem meu conceito e minha estética", ponderou a canadense. Seu estilo peculiar lembra a estética de garotas que fazem sucesso no Tumblr, rede social onde ela começou a fazer sucesso. "Eles se identificam muito comigo", disse a cantora. A decisão de fazer shows no Brasil veio por causa da atuação dos fãs. "Eles eram tão escandalosos que eu disse 'preciso ir lá para ver se eles gostam tanto de mim como dizem que gostam'", brincou.

Queridinha de Katy Perry?

O primeiro single de Allie foi "Catch", lançado em 2014. Em março daquele ano, a canadense chamou a atenção do mundo todo graças a um tuíte de Katy Perry elogiando a música. Dois anos depois de tudo isso, a canadense avalia os desdobramentos da história. "Tive muitos desapontamentos, houve muitos erros, e a realidade bateu à porta quando entrei na indústria", confessou a cantora, que na época era apontada como aquela que seria a próxima rainha da música pop, mas não esteve nem perto disso.

Logo após o tuíte de Katy Perry, "Catch" passou a aparecer em publicações famosas em todo o mundo, como as revistas "Time" e "Billboard". "Vivia recebendo ligações de agentes, empresários e gravadoras", lembrou.

Leia mais: Charli XCX: “eu não sou perfeita, nunca vou ser e não me importo com isso”

Entretanto, as coisas não sairam tão bem quanto o esperado. "Tiveram muitos altos e baixos", disse. Mas isso não afetou seu trabalho. "Eu sou muito insegura, mas ao mesmo tempo sou confiante. Tenho muita convicção sobre o que estou fazendo e não vou parar", garantiu.

Allie X ficou famosa ao lançar o single
Divulgação/Logan White
Allie X ficou famosa ao lançar o single "Catch", em 2014, e conquistou uma legião de fãs no Brasil

Morando em Los Angeles, a canadense conta que as celebridades não a deslumbram mais. "Na época, me chamaram para uma festa na casa da Katy Perry e eu fiquei super empolgada. Mas isso não me importa mais, o que importa mesmo é ter uma base de fãs que me apoia", disse.

Segurando as pontas

Apesar de não se considerar uma popstar ainda, Allie tem medo do que a fama pode causar aos músicos. "É uma indústria muito feia, que tem um história de enlouquecer os artistas", disse. "Muitos artistas veem na arte uma forma de felicidade, mas para ganhar dinheiro com isso, eles precisam entrar na indústria", lamentou.

Para ela, a chave para não ter problemas é manter a cabeça no lugar. "Você tem que se cercar de pessoas que te dizem a verdade e não te tratam como uma celebridade", explicou. "Esse é meu plano caso eu vire uma super estrela."

Blog pop

Nascida e criada na internet, Allie X deve sua carreira à rede. "A internet mudou tudo, né? Eu não seria nada sem a internet", admitiu. Foi o engajamento online que levantou a carreira da artista. "Todos os executivos da indústria já me conheciam, mas só foram atrás de mim depois que 'Catch' estourou", contou. "A internet falou e iniciou minha carreira", comemorou.

Leia mais: Bandas de todo o mundo tentam conquistar fãs e empresários na SIM São Paulo

A força online tem sido tanto que a canadense acredita que o blog pop, o pop que circula na internet, tem entrado cada vez mais no mainstream. "Artistas como Madonna e Britney Spears ouvem as músicas que fazem sucesso na rede e querem trabalhar com os produtores que façam as músicas delas daquele jeito", disse. "Isso é dar o poder de volta às pessoas mais jovens", comemorou.

A cantora vê com bons olhos as mudanças na música pop. "Eu vi como a música pop mudou desde que passei a morar em Los Angeles. Quando cheguei lá, era o fim da era de Katy Perry, e agora o que faz sucesso é o pessoal da dança, como DJ Snake e Diplo", comparou.

Em bom português, a canadense adiantou aos fãs brasileiros o que esperar dos shows em São Paulo: "Vão ser muito bons", garantiu.

Allie X no SIM São Paulo
Quando: quinta-feira, 8 de dezembro, a partir das 21h
Onde: Z Carniceria (Av. Brigadeiro Faria Lima, 724 – Pinheiros)
Quanto: apenas para credenciados para a SIM São Paulo

Allie X em São Paulo
Quando: sexta-feira, 9 de dezembro, às 2h
Onde: Teatro Mars (Rua João Passalaqua, 80 – Bela Vista)
Quanto: de R$ 70 a R$ 230 (com meet and greet)

    Leia tudo sobre: músicas
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas