Tamanho do texto

Agora é a vez delas: presidente da Lucasfilm afirma que o estúdio está sondando mulheres para dirigirem os novos filmes da saga de "Star Wars"

A presidente da Lucasfilm, Kathleen Kennedy falou à revista Variety,  sobre o futuro que prevê para "Star Wars", uma das maiores e mais importantes franquias do cinema. Com o desejo de trazer cada vez mais diversidade e representatividade para os cinemas, a produtora espera que em breve uma mulher possa tomar a frente da direção dos filmes do estúdio.

        Leia mais:  Andrew Garfield testa limites da fé no trailer de "Silence", de Martin Scorsese

Divulgação
"Rogue One: Uma História Star Wars" já faz parte da nova linha adotada pelos filmes da saga, privilegiando a diversidade


“Queremos nos certificar de que, quando trouxermos uma mulher como diretora de ‘ Star Wars ’, tudo será feito para ter sucesso” disse Kathleen Kennedy em entrevista à publicação.  A presidente da Lucasfilm falou, também, que eles estão acompanhando a carreira de mulheres em ascensão no mundo do cinema . “Nós gostaríamos de começar a focar em pessoas que adoraríamos trabalhar e ver que tipo de coisas elas estão fazendo para se destacar agora e, então, convidá-las no momento certo”.

Leia mais:  À espera de "Rogue One", fã de Star Wars é agraciado com novidades na franquia

Pôster de
Wikimedia Commons
Pôster de "Star Wars: O Despertar da Força", filme elogiado pela diversidade dos atores do elenco

Além de estar de olho em mulheres para dirigir seus filmes, o estúdio também está prezando por valorizar a diversidade no elenco das suas produções. “Star Wars: O Despertar da Força” foi aclamado por contar um elenco que foge ao padrão dos outros filmes: com John Boyega, Daisy Ridley e Lupita Nyong’o , o filme prezou pela representatividade com negros e mulheres nos papéis de destaque.

Inovações

De acordo com Kathleen Kennedy, outros aspectos também estão sendo planejados para o futuro de "Star Wars". A presidente conta que o estúdio está começando a explorar as possibilidades de trazer realidade virtual e outros adventos similares para dentro de suas produções. “Não há dúvidas que iremos investir nisso”, disse.

Novas histórias

O estúdio também pretende apostar em histórias diferentes, que envolvam o universo intergaláctico de “Star Wars”. No momento, além dos filmes que exploram a história antes dos “clássicos”, estão sendo planejados outras produções sobre a juventude do Han Solo e do Chewbacca. E não é apenas isso: o diretor J. J. Abrams também irá deixar seu posto na franquia, abrindo espaço para novos diretores experimentarem e darem cara nova aos filmes.

                Leia mais:  A revolução está a todo vapor no trailer final de "Rogue One"

Ainda não é possível saber o que o futuro da saga “Star Wars” está reservando mas, por hora, estão todos ansiosos pelo lançamento nos cinemas de “Rogue One: Uma História Star Wars” no dia 15 de dezembro.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.