Tamanho do texto

Em homenagem aos 75 anos da animação que conquistou diversas gerações, artistas vão presentear São Paulo com releituras em grafite do personagem

Em celebração aos 75 anos de "Pica-Pau",  um dos desenhos animados mais marcantes da televisão, diversos grafites serão espalhados pela cidade de São Paulo relembrando cenas icônicas do personagem que conquistou diversas gerações. Além das homenagens nas ruas da metrópole, a Comic Com Experience (CCXP), que acontecerá no início de dezembro, também receberá painéis do personagem no stand da Piticas.

O primeiro grafite já pode ser observado no Beco do Batman, na Vila Madalena
Reprodução
O primeiro grafite já pode ser observado no Beco do Batman, na Vila Madalena


Leia mais:  Artista plástico faz grafite em homenagem à Rubén Aguirre em São Paulo

A primeira arte urbana já está pronta e pode ser contemplada no Beco do Batman, localizado na Vila Madalena. O grafite é uma releitura do episódio "O Barbeiro de Sevilha", criado em 1944. O episódio mostra Pica-Pau substituindo o dono de uma barbearia, assumindo o posto e atendendo seus clientes, entre eles, um indígena norte-americano, aprontando todas no estabelecimento.

A obra foi realizada pelo artista Tito Ferrara , que atualmente trabalha em um projeto paralelo intitulado “Believe In Your Dreams”, resgatando o sonho de pessoas reais através do grafite. “Eu cresci assistindo aos desenhos do Pica-Pau e vendo todas as maluquices dele. Ele é o retrato da loucura de uma maneira boa. Escolhi o episódio da barbearia por que foi o que mais me marcou. Nada mais louco do que o Pica-Pau com uma tesoura na mão, né?", afirmou.  

Leia mais:  Artista de grafite faz Batman e Superman se beijarem contra a homofobia

A animação do Pica-Pau

Criada em 1940 pelo nova-iorquino Walter Lantz, Pica-Pau conquistou pessoas de todos os lugares e idades. Com 166 episódios exibidos em 155 países, o personagem passou por algumas mudanças com o tempo, mas não deixou de ser o icônico pássaro maluco que atualmente possui até mesmo uma área dedicada a ele no resort da Universal na Flórida (EUA).

Beco do Batman: um museu de grafite a céu aberto

A capital paulista é reconhecida por abrigar nas suas ruas cores e imagens que fazem da cidade um museu a céu aberto. O lugar mais famoso na categoria é o Beco do Batman, que abriga centenas de grafites entre as suas vielas. A sua história começou na década de 1980, quando a imagem de um homem-morcego, o herói da Marvel Batman , foi encontrado em uma das paredes do bairro em forma de grafite. O fato atraiu diversos artistas para a região, que atualmente se renova constantemente.

Leia mais:  "TV Xuxa" perde para Pica Pau e diretor chama público de retardado

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.