Tamanho do texto

"2091", a nova série da Fox, estreia nesta segunda-feira (24) contando a história de um futuro sombrio cujo lema das personagens é "jogar ou matar"

Em um futuro não tão distante, mais precisamente em 2091 , o comportamento da humanidade levou os recursos naturais do planeta a um estado crítico de esgotamento e homens e mulheres terão que buscar alternativas para garantir sua própria sobrevivência. Este é o enredo de “2091”, nova série da FOX que estreia nesta segunda-feira (24) às 23h30 no canal. A superprodução de ficção científica é a primeira a realizada totalmente na América Latina, em quatro meses de gravações.

Cenas da nova série da Fox
Divulgação/FOX
Cenas da nova série da Fox "2091"


Leia mais:  FOX vai exibir especial sobre "The Walking Dead" antes da estreia do 7º ano

Criada e escrita por Andrés Gelós (”Cumbia Ninja” e ”Kdabra”), a direção da  série ficou por conta do colombiano Felipe Martínez (“Cumbia Ninja”) e o mexicano Álvaro Curiel (“Acorazado”). Mas não é só a produção que teve uma grande convergência de culturas latino-americanas. O elenco traz atores de vários países da América, tendo como protagonistas os colombianos Manolo Cardona (“Corazón de León” e “Palabra de Ladrón”), Angie Cepeda (“Familia en Venta” e “La semilla del Silencio”) e dos mexicanos Christopher Von Uckermann (“Kdabra” e ex-RBD) e Cristina Rodlo (“El Capitán”).

O elenco panregional também conta com atores destacados como os argentinos Ludovico Di Santo (“La Leona”), Luz Cipriota (“Soy Luna”, “Los Vecinos en Guerra”); os chilenos Benjamín Vicuña (“Sitiados”) e Gonzalo Vivanco (“Kdabra”); as colombianas Natalia Reyes (“Cumbia Ninja”), Flora Martínez (“Rosario Tijeras”); os mexicanos Damián Alcázar (“Kdabra”) e Julio Bracho (“Bajo el Mismo Cielo”, “Cantinflas”), os peruanos Salvador del Solar (“Cumbia Ninja”) e Jason Day (“El Capo 2”) e o venezuelano Jean Paul Leroux (“Quiero Amarte”, “Tiempo Final”).

“2091” tem 13 episódios de uma hora e ganhou efeitos visuais que merecem ser destacados: animação 3D Full de naves espaciais e planetas, extensões de sets digitais para recriar cidades futuristas e cenas de lutas adaptadas como videogame. A música de abertura estará a cargo da cantora Aleks Syntek (“ToyStory 3”, “Sexo, Pudor e Lágrimas”) e a música incidental é do renomado compositor Emilio Kauderer (“O Segredo de Seus Olhos”, “Metegol”).

Leia mais:  Taylor Lautner investe em carreira nas séries após a fama em "Crepúsculo"

Com o lema de “jogar ou morrer”, o primeiro episódio mostrará o recrutamento de sete jogadores para um jogo radical na lua chamado Calisto. A bordo de uma nave espacial e com consoles de jogos, os habitantes irão competir entre si pela glória e para um lugar privilegiado na Cidade Destino.

Confira o trailer do novo seriado da FOX:



Leia mais:  Depois de virar filme, Bruna Surfistinha ganha série na TV


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.