Tamanho do texto

Atriz vive a Dra. Gertrude Ladenburger em nova peça de Wolf Maya: "É muito propício para essa época onde a música erudita não tem importância"

Lu Grimaldi é uma das estrelas de "33 Variações", peça de Wolf Maya sobre uma das histórias mais curiosas da carreira de Beethoven, atualmente em cartaz em São Paulo. Ao lado de Nathalia Timberg, a atriz conta o caso de uma valsa medíocre que foi transformada pelo austríaco em uma das obras mais geniais de todos os tempos.

Leia mais: "Ghost – O Musical" encanta com enredo conhecido e elenco afinado

Lu Grimaldi e Natália Thimberg em cena de
Divulgação
Lu Grimaldi e Natália Thimberg em cena de "33 Variações", nova peça dirigida por Wolf Maya

"É um espetáculo que fala de relações, que fala da vida e da morte", contou Lu Grimaldi em entrevista ao iG . Na peça, ela interpreta a Dra. Gertrude Ladenburger, que cuida dos arquivos de Beethoven e desenvolve uma relação com Katherine Brandt (Nathalia Timberg).

"Ela é uma mulher séria, dura, que se sente invadida com aquela americana que vai lá estudar", disse a atriz sobre sua personagem, que existe na vida real. "Não a conheci, mas adoraria ter tido a oportunidade", lamentou.

Apesar de não gostar da chegada de Katherine, a Dra. Ladenburger acaba se aproximando da pesquisadora ao longo da trama. "Ela inicialmente antipática, mas é uma pessoa dura que vai amolecendo seu coração", resumiu Lu Grimaldi.

Mesmo não tendo conhecido Gertrude Ladenburger, a atriz já é praticamente íntima da personagem: ela já está imersa neste trabalho há quase um ano. "Estamos ensaiando desde novembro do ano passado", contou Lu.

Leia mais: Espetáculo une dança e poesia para discutir a cultura do machismo

Em janeiro, a peça estreou no Rio de Janeiro em uma ocasião muito especial: a inauguração do Teatro Nathalia Timberg, construído por Wolf Maya. "Trabalhar com Nathalia Timberg é muito bacana pra mim", confessou Grimaldi.

Beethoven para jovens

Para Lu Grimaldi, uma das coisas mais importantes de "33 Variações" é sua proximidade com os jovens. "É um espetáculo que toca os jovens, apresenta Beethoven para pessoas que estão longe da obra dele", afirmou.

"A peça é muito propícia para essa época onde a música erudita aparentemente não tem importância", continou a atriz.

Se por um lado o espetáculo mostra aos jovens as obras de Beethoven, por outro ele fomenta o teatro nacional. A peça dá muitas funções a alunos da Escola de Atores Wolf Maya, o que é muito importante em um momento crítico para a cultura no Brasil.

Leia mais: Bibi Ferreira emociona e cativa em dois shows lotados em Nova York

"Não está sendo fácil, nunca é fácil", lamentou Lu Grimaldi. "Não tem investimento em cultura, e nessa crise as pessoas deixam de ir ao teatro", continuou, apesar de reconhecer que o público de "33 Variações" em São Paulo está sendo bom. "Mas a gente sabe das outras peças, sabe o quanto é difícil", explicou a atriz, que também fez uma temporada com seu monólogo "Palavra de Rainha", que levará a Portugal no ano que vem.

"33 Variações"
Com Nathalia Timberg, Wolf Maya e Lu Grimaldi
Quando: Sextas-feiras e sábados às 21h, e domingos às 19h, até 11 de dezembro
Onde: Teatro Nair Bello (R. Frei Caneca, 569 - Consolação, São Paulo)
Quanto: de R$ 60 a R$ 120

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.