Tamanho do texto

A Caleidos Cia de Dança estreou "Mairto" neste fim de semana e fica em cartaz até o dia 16 de outubro na Lapa, em São Paulo e tem entrada gratuíta

A Caleidos Cia de Dança estreou neste fim de semana o espetáculo "Mairto" que acontece na Lapa, em São Paulo, e permanece em cartaz até o dia 16 de outubro. A peça une espetáculo e poesina para discutir a violência da "cultura do macho".

Leia mais:  Maior nome do palco brasileiro, Bibi Ferreira é reverenciada nos Estados Unidos

Eespetáculo Mairto permanece em cartaz até o dia 16 de outubro na Lapa, em São Paulo
Agência Brasil
Eespetáculo Mairto permanece em cartaz até o dia 16 de outubro na Lapa, em São Paulo


"Mairto é um espetáculo que surgiu a partir da última linha de uma notícia policial publicada em jornal de circulação nacional", disse o diretor Fábio Brazil sobre o espetáculo.

Segundo ele, a notícia contava sobre um crime patrimonial em que dois caras sequestram um terceiro e roubam-lhe R$ 8 mil. "A última linha dessa notícia nos dava esse detalhe: o de que Mairto - esse era o nome da vítima - era homossexual. Depois disso, Fábio percebeu que habia mais naquele crime do que uma motivação latrocída.

Leia mais:  Miguel Falabella voltará aos palcos no musical "Wicked"

“O que me impactou profundamente foi começar a entender que ali havia um crime contra os afetos desse sujeito”, disse Brazil. Assim, ele começou a escrever as poesias que geraram o trabalho que mescla os versos com dança usando um cenário inspirado em lutas marciais. “Três homens em um lugar fechado, dialogando por meio da violência e dessa masculinidade tortuosa”, define o dramaturgo", completa o diretor.

A peça discute o machisto e suas diversas formas de agressão. Segundo Fábio, a ideia é mexer na violência na cultura do macho.

Mostra comemorativa

Além de "Mairto", outros espetáculos comemoram os 20 anos da companhia de dança "Mostra Cleidos".

Em "Coreô", um dos espetáculos tem interação com o público com o objetivo de chamar a atenção para a proposta do grupo. “O que realmente nos interessa é o jogo em cena, não é fazer uma coreografia e apresentá-la. É a cena viva”, ressalta Brazil, ao descrever como a companhia Caleidos encara a dança. Por isso, a aposta da interatividade com o público deriva de um trabalho anterior, chamado Coreológicas. “É justamente um trabalho em que nós apresentamos cinco jogos e convidamos a plateia a jogar.”

Leia mais: Espetáculo que marcou época, “Os Saltimbancos” reestreia em São Paulo

Já em "Nós S.A., a Caleidos discute as relações sociais a partir da especulação imobiliária.“As pessoas não compram apenas um apartamento.Elas querem comprar um modo de vida”, disse Brazil sobre a atração que os novos empreendimentos imobiliários exercem em parte da população. 

As apresentações de Mairto acontecem sextas e sábados, às 20h; domingos, às 19h, na sede do Instituto Caleidos, à Rua Mota Pais, 213, Lapa, São Paulo. A entrada é gratuita.