Tamanho do texto

Às vésperas da estreia da sétima temporada de "The Walking Dead", todo mundo só fala naquilo: quem é Negan e qual será seu impacto na série

Jeffrey Dean Morgan em cena de
Divulgação
Jeffrey Dean Morgan em cena de "The Walking Dead"

Falta pouco mais de um mês para a estreia da sétima temporada de “The Walking Dead” e não se fala em outra coisa que não Negan , o personagem de Jeffrey Dean Morgan , introduzido no último episódio do sexto ano do programa. “Esse personagem é diferente de tudo o que eu já fiz. Eu posso tentar desenhar paralelos com o Comediante, de ‘Watchmen’, por exemplo, e com alguns outros vilões, mas não é a mesma coisa. Nunca fiz ninguém como Negan”, observou o ator em recente entrevista à revista Entertainment Weekly .

+Sétima temporada de "The Walking Dead" terá perigos inimagináveis, diz produtor

No bate-papo com a revista, ao qual também participou o criador das HQs e showrunner de “The Walking Dead” , Robert Kirkman, Morgan comentou as diferenças entre as versões do personagem nos quadrinhos e na televisão.  “Acho que ele é um pouco mais maníaco e eufórico lá (nas HQs), sim”, especula o ator. “Ele será uma ameaça constante na série de agora em diante. Aqueles incríveis 12 minutos que vimos na 6ª temporada serão praticamente todos os episódios por um bom tempo”, se empolga Kirkman.

Descobrindo Negan

O principal produtor do programa continua e afirma que a expansão do universo da série passa pelo aprofundamento do personagem. “Então teremos esse enorme catalisador, que são os Salvadores e Negan, fazendo todas essas coisas horríveis. E ao mesmo tempo, apresentaremos novos personagens”.

Morgan vai além e revela se sentir privilegiado por poder criar em cima do personagem. “Você tem que entender que nosso trabalho como ator é preencher as lacunas entre os momentos dos quadrinhos, que são sempre icônicos ou simbólicos, e descobrir como esse cara é segundo a segundo, e não painel a painel”. 

Leia Tudo Sobre "The Walking Dead"

Quem será a vítima de Negan em
Divulgação
Quem será a vítima de Negan em "The Walking Dead"?

O ator observa que as HQs são o parâmetro, mas não podem ser a única fonte de inspiração para a composição de um personagem tão multifacetado como Negan. “Eu só posso ir até onde os quadrinhos permitem. Então eu tenho que estipular esse raciocínio. ‘Como deixa tudo alinhado de maneira que faça sentido e seja eficaz para os outros atores’”?

Morgan defende sua visão e composição do personagem mais comentado de “The Walking Dead”.  “Se eu tivesse feito esse personagem de forma unidimensional e simplesmente um maníaco, eu não teria nenhum lugar para ir. Depois do primeiro episódio, em que já mato alguém tão marcante, preciso de algum lugar para ir em seguida, certo? Quero que as pessoas fiquem tensas quando assistem Negan, que ele seja uma montanha-russa, uma surpresa a cada cena. E parte disso é fazê-lo humano”, concluiu.

    Leia tudo sobre: The Walking Dead
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas