Tamanho do texto

Ator do musical "Billy Elliot" e do filme "O Impossível" estreou na pele do herói em "Capitão América: Guerra Civil"

"Capitão América: Guerra Civil" dividiu os fãs dos Vingadores em dois times, o do Capitão América e o do Homem de Ferro. Mas em uma coisa ambos têm que concordar: a escolha de Tom Holland para viver o Homem-Aranha foi um golaço.

Tom Holland é o novo Homem-Aranha em
Reprodução
Tom Holland é o novo Homem-Aranha em "Capitão América: Guerra Civil"

Em entrevista ao site "Entertainment Weekly", Chris Evans contou como foi seu primeiro com o ator. "As crianças apareceram e usaram aqueles pijamas ridículos do Homem-Aranha. E o roteiro dizia algo como 'o Homem-Aranha dá uma pirueta e aterrisa', e então o Tom ficou se perguntando 'será que devo mesmo fazer isso?'", lembrou o Capitão América.

E então Tom Holland fez o que o roteiro pedia. "Ninguém da Marvel queria que aquele moleque quebrasse o pescoço, então o estúdio inteiro estava 'não faça isso'. Mas Joe [Russo, um dos diretores do filme] começou a dizer baixinho 'faça logo'. E ele fez", contou Evans.

Joe Russo ficou tão impressionado com as habilidades do ator que o escolheu para ser o Homem-Aranha. "Tão importante quanto captar as emoções do personagens é captar sua capacidade física. Ter um ator que é um ginasta, sabendo que você vai captar todos seus movimentos digitalmente, é muito valioso", disse o diretor.

Quem também se impressionou com Holland foi Robert Downey Jr. O Homem de Ferro gostou tanto que passou a ser uma espécie de mentor do ator de 19 anos durante a produção de "Guerra Civil". "Lembro que eu e o Anthony [Russo, também diretor do filme] nos olhamos e deixamos a essência criativa do Robert fluir", contou Joe Russo.

Depois de estrear nas telonas em "Capitão América: Guerra Civil", Tom Holland se prepara para estrelar os novos filmes do Homem-Aranha. O primeiro será "Homem-Aranha: De Volta Pra Casa", previsto para estrear em 2017.