Tamanho do texto

Artista baiano morreu aos 77 anos nessa quarta-feira (13) em um hospital em Brasília

O artista baiano Rogério Duarte morreu nessa quarta-feira (13), aos 77 anos. Conhecido por ter criado a estética da Tropicália, o artista gráfico faleceu em um hospital em Brasília.

O artista gráfico Rogério Duarte morreu aos 77 anos
Reprodução
O artista gráfico Rogério Duarte morreu aos 77 anos

A morte do baiano foi confirmada por Diogo Duarte, filho de Rogério, em um post no Facebook. No comunicado, Diogo revelou que o pai estava internado há quase dois meses para tratar de um câncer ósseo e no fígado.

Duarte foi o criador de diversos cartazes para filmes de Glauber Rocha, como o clássico "Deus e o Diabo na Terra do Sol", inspirando outros artistas a seguir seu estilo durante o período. Além disso, ele criou as capas de LPs de Caetano Veloso, Gilberto Gil e Gal Costa e ainda foi considerado o mentor intelectual de nomes como Zé Celso Martinez Corrêa, Hélio Oiticica e Torquato Neto.

Ele também chegou a trabalhar como músico, colaborando com nomes como Gilberto Gil, João Gilberto e Caetano Veloso.

Durante a ditadura, o artista foi preso junto com o irmão Ronaldo Duarte após denunciar publicamente a tortura do Regime Militar. 

Entre os trabalhos de Rogério Duarte, estão a tradução do texto religioso do movimento Hare Krishna "Bhagavad Gita", o livro "Tropicaos" e o disco "Canção do Divino Mestre".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.