Tamanho do texto

Principal representante do pop britânico encerrou o festival com hits e músicas de seu novo álbum

Florence encanta multidão e faz chover em último show do Lollapalooza
ESTADÃO CONTEÚDO
Florence encanta multidão e faz chover em último show do Lollapalooza

O último ato do Lollapalooza 2016, realizado neste fim de semana em São Paulo, ficou por conta do Florence & The Machine, que arrastou um público colossal para o palco Skol do evento na noite deste domingo (13).

Com um vestido que hora era azul, hora lembrava o verde, a inglesa Florence Welch parecia egressa de outro plano cósmico. Cantando, interpretando, dançando e girando feito cigana, a vocalista do grupo não precisaria nem mesmo ir para a galera para conquistar o público. Mas foi. Duas vezes.

Florence & The Machine apresentou um repertório que priorizou o trabalho mais recente da banda, "How Big, How Blue, How Beautiful". Sobre a música que dá nome a esse CD, aliás, Florence revelou que uma das inspirações para a composição veio do último show da banda no Brasil, quando o "céu estava inspirador", segundo a vocalista.

Com uma bateria poderosa, arpa e um ótimo dueto com metais, o grupo fez músicas como "Rabbit Heart (Raise It Up)" e "Spectrum" parecerem hinos no Autódromo de Interlagos.

Apesar de o som do palco mais uma vez deixar a desejar, o capricho da produção da banda, que providenciou ótima iluminação e uma gigantesca tela com espelhos, mereceu elogios.

Nem mesmo a garoa que ia e vinha a todo instante impediu que o público explodisse durante a apresentação do hit "Dog Days Are Over", ponto alto do show. "Se abracem, pulem, cantem, coloquem suas camisetas para cima!", incitava Florence do palco. Com o pedido atendido, o público se tornou um espelho da própria artista: Um mix de loucura e harmonia.

As pernas, a essa altura, já pediam arrego - o preço que se paga ao fim de dois dias de muita música e diversão. Triste é pensar que teremos agora um ano para descansar. Eu mesmo aposto que estaria bem para encarar tudo de novo já no próximo fim de semana.