Tamanho do texto

A maior premiação do cinema foi realizada nesse domingo (28) e os principais prêmios foram divididos entre "Mad Max", "O Regresso" e "Spotlight - Segredos Revelados"

Não houve supresas efetivamente durante a entrega dos Oscars na 88ª edição dos prêmios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Mas ficou um clima de estranheza no ar quando "Spotlight - Segredos Revlados" foi anunciado como o melhor filme do ano. A fita dirigida por Tom McCarthy só havia ganhado outro Oscar na noite, o de roteiro original -  justamente o primeiro entregue.

Reprodução/Twitter
"Spotlight: Segredos Revelados" ganhou o Oscar de melhor filme

Foi a primeira vez que um filme vencedor do Oscar de melhor filme vence apenas dois Oscars na noite desde "O Maior Espetáculo da Terra" (1952).

A categoria mais comentada da noite teve o desfecho que todos esperavam. Leonardo DiCaprio foi eleito o melhor ator do ano por "O Regresso".

Favorito do público, Sylvester Stallone viu em primeira mão a consagração do britânico Mark Rylance , eleito o melhor ator coadjuvante por "Ponte dos Espiões".

O cineasta mexicano Alejandro González Iñárritu conseguiu um feito improvável que foi vencer pelo segundo ano consecutivo o Oscar de direção por "O Regresso". Ele derrotou George Miller , cujo "Mad Max" estava à frente na contagem de prêmios. 

O melhor filme estrangeiro foi o húngaro "O Filho de Saul", confirmando as expectativas. 

Oscar 2016, prêmio tradicional e mais importante do cinema mundial, aconteceu no dia 28 de fevereiro
Alberto E. Rodriguez / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP
Oscar 2016, prêmio tradicional e mais importante do cinema mundial, aconteceu no dia 28 de fevereiro

 " O Regresso " valeu o terceiro Oscar consecutivo para o diretor de fotografia Emmanuel Lubezki . Ela já havia vencido por "Gravidade" em 2014 e "Birdman" em 2015. Apesar desse feito histórico, as categorias técnicas foram amplamente dominadas por "Mad Max: Estrada da Fúria" que venceu os troféus de figurino, direção de arte, mixagem de som, edição de som e montagem. 

Apesar da esperada polarização entre os dois filmes líderes de indicações em 2016, a estatueta de efeitos especiais foi para o pequeno "Ex-Machina: Instinto Artificial", certamente uma das maiores surpresas da noite.

Brie Larson foi escolhida a melhor atriz do ano pelo filme "O quarto de Jack" e Alicia Vikander foi a melhor coadjuvante por "A Garota Dinamarquesa". 

"Mad Max: Estrada da Fúria" liderou a noite com seis estatuetas, seguido por "O Regresso" com três e "Spotlight - Segredos Revelados" com duas. 

Confira abaixo, em negrito, todos os prêmiados da 88ª edição do Oscar. 

Melhor Filme
“A Grande Aposta”
“Ponte dos Espiões”
“Brooklyn”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“O Regresso”
“O Quarto de Jack”
“Spotlight: Segredos Revelados”

Melhor Diretor
Adam McKay (“A Grande Aposta”)
George Miller (“Mad Max: Estrada da Fúria”)
Alejandro González Iñárritu (“O Regresso”)
Tom McCarthy (“Spotlight – Segredos Revelados)
Lenny Abrahamson (“O Quarto de Jack”)

Melhor Ator
Bryan Cranston (“Trumbo: Lista Negra”)
Matt Damon (“Perdido em Marte”)
Leonardo DiCaprio (“O Regresso”)
Michael Fassbender (“Steve Jobs”)
Eddie Redmayne (“A Garota Dinamarquesa”)

Melhor Atriz
Cate Blanchett (“Carol”)
Brie Larson (“O Quarto de Jack”)
Jennifer Lawrence (“Joy: O Nome do Sucesso”)
Charlotte Rampling (“45 Anos”)
Saoirse Ronan (Brooklyn”)

Melhor Ator Coadjuvante
Christian Bale (“A Grande Aposta”)
Tom Hardy (“O Regresso”)
Mark Rylance (“Ponte dos Espiões”)
Sylvester Stallone (“Creed: Nascido para Lutar”)
Mark Ruffalo (“Spotlight – Segredos Revelados”)

Melhor Atriz Coadjuvante
Jennifer Jason Leigh (“Os Oito Odiados”)
Rooney Mara (“Carol”)
Rachel McAdams (“Spotlight – Segredos Revelados”)
Alicia Vikander (“A Garota Dinamarquesa”)
Kate Winslet (“Steve Jobs”)

Melhor Fotografia
“Carol”
“O Regresso”
“Sicário: Terra de Ninguém”
“Os Oito Odiados”
“Mad Max: Estrada da Fúria”

Melhor Documentário
“Amy”
“Cartel Land”
“The Look Of Silence”
“What Happened Miss Simone”
“Winter of Fire”

Melhor Curta de Documentário
“Body Team 12”
“Chau, Beyond The Lines”
“Claude Lanzmann: Spectres of the Shoah”
“A Girl in the River: The Price of Forgiveness”
“Last Day of Freedom”

Melhor Figurino
“Carol”
“Cinderela”
“A Garota Dinamarquesa”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“O Regresso”

Melhor Edição de Som
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“O Regresso”
“Sicario: Terra de Ninguém”
“Star Wars: O Despertar da Força”

Mixagem de Som
“Ponte dos Espiões”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“O Regresso”
“Star Wars: O Despertar da Força”

Melhor Canção Original
"Earned It”, de The Weeknd para “Cinquenta Tons de Cinza”
“Manta Ray”, de J. Ralph & Antony para “A Corrida Contra a Extinção”
“Simple Song #3”, de David Lang para “Juventude”
"Til It Happens To You”, de Lady Gaga para “The Hunting Ground”
"Writing's On The Wall”, de Sam Smith para “007 Contra Spectre”

Melhor Maquiagem e Cabelo
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“O Regresso”
“O Centenário Que Fugiu Pela Janela e Desapareceu”

Melhor Curta-metragem
“Ave Maria”
“Day One”
“Everything Will Be OK”
“Shock”
“Stutter”

Melhor Curta de Animação
“Bear Story”
“Prologuye”
“Sanjay’s Super Team”
“We Can’t Live Without Cosmos”
“World Of Tomorrow”

Melhor Longa de Animação
“Anomalisa”
“O Menino e o Mundo”
“Divertida Mente”
“Shaun, o carneiro”
“Quando Marnie Estava lá”

Melhores Efeitos Visuais
“Ex-Machina: Instinto Artificial”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“Star Wars: O Despertar da Força”
"O Regresso"

Melhor Montagem
“A Grande Aposta”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“O Regresso”
“Spotlight – Segredos Revelados”
“Star Wars: O Despertar da Força”

Melhor Design de Produção
“Ponte dos Espiões”
“A Garota Dinamarquesa”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“O Regresso”

Melhor Roteiro Adaptado
“A Grande Aposta”
“Brooklyn”
“Carol”
“Perdido em Marte”
“O Quarto de Jack”

Melhor Roteiro Original
“Ponte dos Espiões”
“Ex-Machina”
“Spotlight – Segredos Revelados”
“Divertida Mente”
“Straight Outta Compton”

Melhor Trilha Sonora
“Ponte dos Espiões”
“Carol”
“Os Oito Odiados”
“Sicario: Terra de Ninguém”
“Star Wars: O Despertar da Força”

Melhor Filme Estrangeiro
“O Abraço da Serpente” (Colômbia)
“Cinco Graças” (França)
“O Filho de Saul” (Hungria)
“Theeb”  (Jordânia)
“Guerra” (Dinamarca)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.