Tamanho do texto

Maior nomeada nas categorias de atuação, Meryl Streep perdeu o Oscar em 16 oportunidades. Al Pacino ficou 20 anos perseguindo o seu primeiro troféu. DiCaprio pode bater marca

Ninguém perdeu mais Oscars do que Meryl Streep nas categorias de atuação. A recordista de indicações ao prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, com 19 indicações e três vitórias, como atesta a matemática, perdeu 16 vezes o prêmio. É uma forma dura de olhar a multipremiada e reverenciada carreira de Meryl Streep. Mas não deixa de ser uma perspectiva correta.

Meryl Streep e Leonardo DiCaprio conversam em cerimônia do Bafta em 2014: atores com longos anos de espera por um Oscar
Reprodução/Bafta
Meryl Streep e Leonardo DiCaprio conversam em cerimônia do Bafta em 2014: atores com longos anos de espera por um Oscar

Leonardo DiCaprio , que tudo indica vai sair da fila em 2016, não tem a bagagem de Streep, mas pode ganhar seu primeiro Oscar 22 anos depois de sua primeira nomeação por "Gilbert Grape - Um Aprendiz de Sonhador" (1994). No total, no entanto, são cinco indicações por atuação. A maior distância percorrida por um ator entre sua primeira indicação e a ansiada vitória, no entanto, ainda é de Al Pacino . Foram 20 anos desde sua primeira indicação, como coadjuvante em “O Poderoso Chefão – parte II” em 1973 e sua vitória, em 1993, como ator por “Perfume de Mulher”.  Pacino recebeu outras seis nomeações nesse espaço de tempo. Se DiCaprio vencer no domingo (28) por “O Regresso” vai superar esse recorde.

Atores como Richard Burton e Peter O´Toole não tiveram a chance de desforra que DiCaprio está próximo de experimentar.  Durante 25 anos, o britânico Richard Burton foi frequentemente nomeado ao Oscar. Foram sete indicações, mas nenhuma vitória.

Outro membro da realeza britânica da atuação, Peter O´Toole, concorreu a oito Oscars sem nunca vencer. Ganhou um Oscar honorário em 2003 e ainda competiu mais uma vez, antes de sua morte aos 81 anos, pela performance em “Vênus” (2007).

Burton e O´Toole certamente são os atores que somam mais derrotas no Oscar. Jack Nicholson , porém, estatisticamente perdeu mais. Mas o recordista de indicações entre os homens nas categorias de atuação venceu três dos 12 Oscars a que concorreu.

Jack Nicholson é o recordista entre os homens nas categorias de atuação em matéria de indicações, vitórias e derrotas no Oscar
Getty Images/Kevin Winter
Jack Nicholson é o recordista entre os homens nas categorias de atuação em matéria de indicações, vitórias e derrotas no Oscar

Outros grandes atores e atrizes como Julianne Moore , Glenn Close , Katherine Hepburn , Bette Davis , Laurence Olivier , Paul Newman , Jack Lemmon e Marlon Brando engrossam a lista de atores com múltiplas indicações, e muitas derrotas. Dessa lista, apenas Glenn Close, com seis indicações, não tem uma vitória sequer.

Entre os indicados deste ano, Cate Blanchett e Kate Winslet ostentam cada uma sete indicações ao prêmio, já contabilizada a participação em 2016. A primeira já triunfou duas vezes, enquanto a segunda venceu uma.

De alguma forma, mesmo que isso signifique muitas derrotas no Oscar, todos miram Meryl Streep.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.