Os Rolling Stones querem continuar juntos
Marcelo de Assis
Os Rolling Stones querem continuar juntos

O guitarrista Keith Richards não tem a menor dúvida: os Rolling Stones querem continuar juntos . Para ele, esta é a receita da longevidade de uma das maiores bandas de rock de todos os tempos.

Os roqueiros de Start Me Up iniciaram sua turnê comemorativa Sixty , para celebrar incríveis sessenta anos de estrada na indústria musical. O primeiro show desta série aconteceu nesta quarta-feira (1) no Wanda Metropolitano Stadium , do Atletico Madrid , na Espanha.

“A vida é interessante demais para morrer. Qualquer coisa que eu quisesse fazer tinha que ser feito – eu não podia afrouxar” , diz Keith Richards à coluna Bizarre do The Sun . “E, ei, havia apenas uma enorme quantidade de cocaína envolvida”.

Questionado como os Rolling Stones estão juntos há tanto tempo, o lendário guitarrista de 78 anos explica a fórmula: “Eu acho que o mais importante é que as pessoas da banda queiram ficar juntas. Isso ajuda!” , garante.

“Tivemos nossos altos e baixos, é claro. Mas no final sempre percebemos que somos mais criativos juntos. O especial de fazer parte de um grupo bem ensaiado é conhecer os outros tão bem que você pode prever até certo ponto o que vai acontecer a seguir”, disse.

Os Rolling Stones tocaram 19 músicas com o baterista Steve Jordan , de 65 anos , assumindo o lugar do falecido Charlie Watts , que morreu aos 80 anos em 2021.

Watts foi homenageado no show com um vídeo enquanto que Street Fighting Man era impresso pelos Stones no palco.

Mick Jagger , hoje com 78 anos , admite que seu saudoso colega faz muita falta, não só como músico, mas como um velho amigo.

“Eu realmente não espero que ele esteja mais lá se eu me virar durante um show. Mas eu penso nele. Não apenas durante os ensaios ou no palco, mas de outras maneiras também. Eu teria telefonado para ele. se levantou e falou sobre o jogo do Arsenal na noite passada porque ele torceu para o Tottenham e eu sou o Arsenal. Sinto falta dele como jogador e como amigo” , complementou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários