The Music Journal Brazil

undefined
Redação
Sanatore protesta sobre a inércia da sociedade atual em “Nada”

Em meio a um ano caótico e um momento político conturbado, Sanatore , lança o videoclipe de Nada , uma crítica social sobre o momento que o mundo atual passa, faz uma reflexão sobre poder, fome e miséria , em um ano que nada será igual, o rock faz seu papel contestador.

A música, uma composição de Rudi e Felipe , entrega um valor de Nada diferente para cada um. O vídeo, que tem direção assinada por Bruno Diel, apresenta um formato de cédula e que transmite claramente essa sensação de impotência ante os acontecimentos.

“Por ser interpretativa, a canção tem uma grande relação com o que vivemos nos dias de hoje, principalmente no campo político. O mundo se transformou num aglomerado de barris de pólvora espalhados por todos os continentes e cheios de palitos de fósforo prestes a serem riscados. Extremismos, verdades, mentiras… tudo junto e misturado. Confundindo a todos intencionalmente” , disse Rudi sobre a faixa.

“‘Nada’ começa com uma frase que parece desmotivadora à primeira vista e, de repente, se revela num chamado para superação, pois com método e objetivos definidos, consegue-se traçar um caminho de conquistas. Acredito que essa seja uma música atemporal e com as premissas de questionamento e contestação que, a meu ver, são essenciais no Rock” , conclui.

O diretor Bruno Diel também falou sobre a concepção do vídeo: “Um valor para cada ‘Nada’ diferente. O formato de vídeo adotado, foi o que eu achei que funcionava e optei por uma proporção que remetesse à ideia de dinheiro… achei que valia a pena explorar” .

Confira:

    Veja Também

      Mostrar mais