Tamanho do texto

Ele nasceu em Algarve e mora em Lisboa. Mas Rui Santoro desfaz fronteiras com duas ferramentas: sua pickup e gosto musical apurado

Rui Santoro: quebrando barreiras com house music
Reprodução
Rui Santoro: quebrando barreiras com house music

Considerado um dos  djs mais cobiçados nos hotspots do mundo - Capri , Ibiza , países da Ásia e agora no Brasil , onde tocou recentemente na  Favela da Rocinha , em prol de comunidades carentes.

Esta é sua primeira turnê por aqui. Sucesso total, comentário nas mídias e no boca a boca de quem já ouviu o house elegante, sua marca registrada, às vezes com pegada disco. "O que me faz feliz é ver as pessoas viajarem quando estou tocando, porque tento levar para meus sets um pouco de todos os lugares do mundo que visito, essa partilha me impulsiona".

Bem, a agenda está cheia. Além do Rio, se apresentou em São Paulo e interior, Floripa, somando 14 shows e festas que chegam a reunir 20 mil pessoas. É também convidado especial do Camarote do King no carnaval da Sapucaí deste ano. Depois dos compromissos brazucas, segue para a Europa e depois Malásia. Sucesso surpreendente para ele, que se formou em Direito, mas teve sempre a música ao seu redor. 

Diversidade com qualidade 

Em papo exclusivo com a Coluna, explica: "Desde criança ouvia clássicos, como Bach, meu preferido sem dúvida, na casa dos meus pais. Era o que se tocava o dia todo, nem TV tinha. A música clássica faz as pessoas mais inteligentes". Mas também curte Roberto Carlos e Fundo de Quintal, para citar a diversidade com alguns.

E confessa, com certa indignação - que partilhamos com ele - da onda tipo tsunami que está atolando em lama o nome da nossa "música" em Portugal: o funk brasileiro. Triste mesmo.  


Veja também:  e os brasileiros em Portugal?

Mas... recalculando a rota da história para o lado bom. Na volta de viagem, que aliás, é para lançar o single que produziu "One Night in Capri", faz mais uma parada por aqui, onde já tem bons amigos e está igualmente bem agenciado, claro. Acabou de gravar um reality show produzido pela MTV sobre seu estilo de vida (festas, gente linda, barcos, champanhe, jatos, festas, champanhe, festas...), mas sem previsão para o canal daqui - será exibido somente na Europa. Boa pinta, gente finíssima e celebridade que já é, Rui tem, obviamente, famosas em sua lista de pretendentes, que preferiu não revelar. Um gentleman, pois. Até porque, segundo entendeu, "por aqui no Brasil é mais para se 'ficar', não é?". A-ham. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas