O apresentador revelou mais detalhes de seu desligamento da emissora
Reprodução/Edu Moraes/Record
O apresentador revelou mais detalhes de seu desligamento da emissora

O jornalista Geraldo Luís contou mais informações sobre seu desligamento da Record e como sua saída não foi tão tranquila. O apresentador estava há 16 anos na emissora, mas teve o contrato rescindido em maio deste ano. "Eu não podia nada! Não me deixavam fazer nada!", disparou.

Em entrevista ao colunista Chico Barney, do Splash Uol, o jornalista revelou que se sentia podado pelas restrições impostas diante das políticas internas da emissora. "Se eu não tivesse dado o grito de liberdade lá, eu não estaria aqui. Eu não podia nada! Não me deixavam fazer nada!", explicou.

Ainda assim, Geraldo Luís lamentou que o veículo de comunicação não tem mais a mesma força que antigamente: "A televisão, como um todo, está passando por uma grande turbulência, porque nada se acerta. Está envergonhada do popular, distante, sem gente de criação. É só enlatado! Todo mundo hoje está encalhado, porque não tem mais gente que cria em televisão".

O apresentador também comentou sobre a falta de comunicadores no nível de Gugu Liberato, Silvio Santos e Fausto Silva nesta nova geração. "Comunicadores populares, me fala quem tem hoje? Não tem mais [o grande nome da TV aberta]. O telespectador hoje é órfão. Diante do aparelho de televisão, ele se tornou curioso. Ninguém fica. Tirando o futebol, o que te prende hoje na televisão? Novela e jornalismo, o povo não aguenta mais!", disse.

Para o apresentador, não houve nenhum surpresa quando a investida da Record em seu programa deu errado: "Aquilo foi uma teimosia do bispo Honorilton Gonçalves [diretor artístico da Record entre 1998 e 2013]. Era uma loucura: um programa diário, de auditório, às 17h, contra Sonia Abrão, Datena..."

O jornalista estava no comando do Balanço Geral, mas em 2017 foi transferido para um programa diário nomeado Geraldo Brasil. "O horário da tarde é um horário ingrato para trabalhar. Eu avisei [que não daria certo]. Deu audiência no primeiro mês. No segundo, já [caiu um pouco]. No terceiro, afundou!", afirmou.

Mesmo assim, Geraldo Luís disse que a mudança lhe proporcionou novas experiências. "Eu viajava contando histórias. Fiquei até pelado! Fui à praia de nudismo [fazer matéria para o programa]. Hoje, eu estou com uma barriga menor. Parecia aquele sapo, o Caco, do Muppet Show [risos]", relembrou.

A entrevista foi gravada em julho, então Geraldo Luís havia comentado sobre sua vontade de retornar à TV: "Sou um caçador de histórias. É isso que me deixa desesperado em voltar à televisão: para achar essas histórias incríveis e simples -- porque o mais difícil de se fazer em televisão é o simples."

Poucos mais de dois meses após deixar a Record, o apresentador fechou um contrato com a RedeTV!. Assim, Geraldo Luís estará no comando dos domingos da emissora e terá um programa nas noites de terça-feira.

*Texto de Júlia Wasko
Júlia Wasko é estudante de Jornalismo e encantada por notícias, entretenimento e comunicação. Siga Júlia Wasko no Instagram: @juwasko

    Mais Recentes

      Comentários

      Clique aqui e deixe seu comentário!