Falar sobre violência sexual deixou de ser um tabu para quem acompanha a youtuber Fabiola Melo. Depois de trazer à tona um vídeo relatando que foi vítima de abuso, quando criança, ela recebeu o apoio da família e feedback de outras mulheres que também já passaram por isto e, então, foi encorajada a escrever um livro sobre o assunto, “A culpa não é sua: Supere o passado e descubra seu valor”, na intenção de ajudar outras vítimas.

Leia também: Dez livros que vão te ajudar a entender a sociedade em 2019

Capa do livro
Divulgação
Capa do livro "A Culpa Não É Sua"

Na infância, Fabiola Melo foi vítima de abuso cometido por um homem, até então considerado de confiança, que frequentava a mesma igreja. Na época, sem entender a violência que tinha sofrido, ela se calou. Anos depois, sentiu a necessidade de expor o acontecido e garante que foi algo libertador.

Leia também: TNT ganha força na transmissão esportiva antes de exibir o Campeonato Brasileiro

“Normalmente vítimas em processo da dor, têm mais dificuldades em falar sobre aquilo, mas quando expus a minha eu já havia passado pelo processo de cura. Minhas feridas se tornaram cicatrizes”, explica ela sobre a iniciativa.

A ideia de não se limitar ao YouTube para contar sua experiência, partiu do princípio de alcançar diferentes públicos. “O livro chega a muitas pessoas. Chega para pessoas de todas idades e até para quem não tem acesso as redes sociais”, ressalta Fabiola.

A culpa não é sua ”, lançado da Editora Mundo Cristão, em abril deste ano, oferece conselhos práticos e conta a própria experiência da autora como vítima, a fim de contribuir com a restauração de vidas. A obra também divide o testemunho de outras mulheres que passaram por situações de abuso, tornando a leitura uma experiência comovente e encorajadora.

Audiência histórica da TNT

Logo TNT
Divulgação
Logo TNT

O primeiro dia do mês de junho garantiu audiência histórica para a TNT, graças ao confronto válido pela Final da UEFA Champions League entre Tottenham e Liverpool. A transmissão garantiu ao canal a liderança no ranking de audiência com média de 10.65 pontos e pico de 12,62 entre domicílios com TV paga, garantindo uma marca histórica como o jogo mais assistido de todas as temporadas da competição.

A partida alcançou a maior audiência de um jogo de futebol transmitido pela TV paga desde 2016 para domicílios com TV paga e desde 2014 para os homens com TV paga. Os dados apontam que a transmissão do Esporte Interativo impactou aproximadamente 2.9 milhões de domicílios e 3.7 milhões de assinantes sintonizados no canal durante a partida.

O sucesso também se fez presente nas redes sociais com a transmissão ao vivo na página oficinal do Esporte Interativo no Facebook, conquistando 108M de minutos assistidos, 10M de vídeo views, 1.3M de interações e 7.4M de usuários únicos.

Jorge Drexler assina com a Sony Music

Jorge Drexler assina com a Sony Music
Divulgação
Jorge Drexler assina com a Sony Music

Jorge Drexler está com novidade. O cantor e compositor retomou a turnê #giraSILENTE após fechar contrato com a Sony Music. Feliz com a mudança, ele garante estar “muito animado com este novo capítulo” que começa em sua vida.

A novidade também foi comemorada por José María Barbat, presidente da Sony Music Espanha e Portugal, que deu as boas-vindas ao artista: “Todos na Sony somos fãs de Jorge. Admiramos seu talento, sua criatividade, sua humanidade. Sentimos que o melhor de sua carreira está prestes a começar e seremos eternamente gratos a ele e à sua equipe maravilhosa por confiarem em nós. Prezado Jorge, sinto-me profundamente honrado em recebê-lo em sua nova casa”.

Oito anos de KondZilla

KondZilla.com
Reprodução/ Instagram
KondZilla.com

Uma das maiores produtora de funk do Brasil, a  KondZilla está completando oito anos e aproveitou este momento especial para trazer novidade ao público: o novo KondZilla.com.

O site está de cara nova e traz conteúdo exclusivo para o jovem de favela sobre o universo funk, comportamento, tendências, notícias, novidades sobre artistas, playlist de músicas, agenda de shows, lançamentos dos videoclipes da KondZilla e vídeo matérias, a lém  de uma área logada com acesso a vídeos exclusivos. 

A iniciativa foi explicada e ressaltada por Konrad Dantas, fundador da marca: “A KondZilla está completando oito anos e o jovem de favela tem um papel muito especial na nossa trajetória. Por isso, queremos fazer a diferença na vida dessas pessoas ao produzir cada vez mais conteúdos para os nossos fãs. Enquanto alguns ignoram sua existência, nós nascemos e crescemos para fortalecer a favela”.

Mais detalhes sobre produção da obra de Fabiola Melo

Reprodução/ Instagram
"A Culpa Não É Sua"

Mesmo tendo passado por este problema, tratar de um assunto tão delicado não é algo tão simples. “Tem que entender que cada vítima reage de uma forma diferente”, explica a autora, destacando que não é certo fazer a vítima se sentir pressionada a perdoar, mas que é bom deixar claro que no momento certo ela pode ser livre disso.

“A gente consegue liberar o perdão, a partir daí você consegue lembrar sem sofrer, você é livre. Há sim a lembrança de dor, vergonha, mas ela não tem mais poder dentro de você. Tem uma frase no livro que diz assim: ‘Não podemos evitar que pássaros voem sobre nossa cabeça, mas podemos evitar que façam ninhos sobre ela’, ou seja, podemos evitar que essa dor faça morada em nós e nos defina, controle nossas atitudes”, garante a youtuber

Apesar do lançamento recente, a escritora pontua que continuará abordando este assunto. “Nunca é suficiente, principalmente por ser algo silenciado por anos. Isso abre espaço para as pessoas falarem  Quanto mais falar, mais segurança”, garante.

A escritora está disposta a quebrar o tabu sobre este tipo de violência. Segundo ela, falar sobre isto também é necessário para formação da criança, que, muitas vezes, criam raízes em tudo aquilo que escutam pela primeira vez. Ela ainda destaca a importância dos pais conversarem com os filhos sobre o assunto, para que elas entendam de pessoas seguras como se proteger e reagir à situações como esta.

Leia também: Pelo quinto ano seguido, mercado dos livros registra queda

Fabiola Melo quer dar continuidade nos trabalhos em prol da força feminina e tem planos de produzir uma obra sobre a autoestima, liberdade, identidade e diversas questões que impulsionam a valorização e empoderamento da mulher.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários