Affair de Eduardo Costa diz que sustenta o ex-marido: "É mantido por mim"

Mariana Polastreli diz que Eduardo Polastreli está descontrolado e jogando os filhos deles contra ela

Mariana e Eduardo Polastreli
Foto: Reprodução/Instagram
Mariana e Eduardo Polastreli

A influenciadora e empresária Mariana Polastreli está dando o que falar desde que foi revelado o affair que ela está vivendo com o cantor Eduardo Costa. O marido dela, Eduardo Polastreli, disse foi abandonado pela esposa e que passou por uma humilhação pública . Em entrevista ao colunista Leo Dias, Mariana rebateu essas acusações e contou que ela sustenta o ex e os três filhos. "Eu era o homem da casa, sustentava ele em tudo. Não aguentei mais", diz.

"Sou a provedora do lar, única e exclusivamente. Ele é mantido por mim desde 2014, não é engenheiro coisa nenhuma. Cursa Engenharia em uma faculdade à distância que eu pago. São R$ 500 por mês debitados no meu cartão de crédito. Ele não tem conta no nome dele, nada. E perdeu o porto seguro dele, que sou eu. Eu faço papel de mãe do Eduardo, que depende de mim financeiramente e emocionalmente. Ele está sendo covarde e foi dominado pela ira, por isso está fazendo tudo isso", revela a influenciadora.

Mariana conta que ela conheceu o ex-marido quando os dois tinham 18 anos. Ela fala que engravidou no primeiro encontro e teve o filho mais velho, hoje com 13 anos. Os dois ainda tiveram mais outros dois meninos juntos e a empresária diz que Eduardo está jogando os garotos contra ela.

"Esse cara está extremamente descontrolado. Sou filha de pais separados. Minha mãe nunca me colocou contra o meu pai e ele está colocando meu filho mais velho contra mim. Eu nunca faria isso. Ele está debochando da minha cara. Meu filho está sofrendo muito. Covardia, pois está com ódio de mim e usando as crianças. Não aceita ser largado", diz.

A influenciadora fala que o relacionamento com Eduardo Polastreli esfriou porque o ex não tinha ambições e não queria crescer na vida. Mariana conta que chegou a abrir uma empresa para o pai de seus filhos, mas o empreendimento faliu e ela arcou com as dívidas. "Ele não sabe o que é pagar aluguel, fazer compras do mês, adora fazer compras no mercado, sai comprando tudo sem se preocupar. O celular dele é melhor que o meu, e foi pago por mim", conclui.