Tamanho do texto

Yuri Lourenço, filho de Tati Quebra Barraco, foi morto na madrugada de domingo (11) durante uma operação policial na Cidade de Deus, no Rio

A dor de perder um filho vem tomando conta de Tati Quebra Barraco desde a madrugada de domingo (11), quando Yuri Lourenço foi morto durante uma operação policial na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Tati Quebra Barraco
Reprodução/Facebook/Tati Quebra Barraco
Tati Quebra Barraco


Depois de alguns desabafos nas redes sociais, Tati Quebra Barraco usou o Twitter na manhã desta terça-feira (13) para voltar a lamentar a morte do filho e pedir justiça. "É impressionante como uma pistola fez milagre. Uma pistola bateu de frente com seis fuzis. Justiça já, eu quero justiça!", escreveu ela, que completou. "O meu filho estava queimado de pólvora nos peitos, o que tudo indica que foi a queima roupa. O tiro foi de perto, não teve como reagir".

Leia mais: Corpo de filho de Tati Quebra Barraco será velado nesta segunda (12)

Durante o desabafo, a cantora também questionou uma suposta foto em que seu filho aparece morto. "A foto do meu filho morto circulando cheio de sangue foi quem que tirou? A médica?".

Por fim, Tati Quebra Barraco pediu justiça. "A justiça de Deus não falha, mas a da terra também não falhará! Não falhará".









"A PM matou meu filho"

Logo após a morte do filho, a funkeira usou o Twitter para lamentar e culpar a PM . "A PM tirou um pedaço de mim que jamais será preenchido. A PM matou o meu filho. Essa dor nunca irá se cicatrizar".

Leia mais: Novo visual: Tati Quebra Barraco entra para o time das loiras

Entenda o caso

De acordo com a PM, policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) de Cidade de Deus foram surpreendidos por criminosos armados, dando início a uma troca de tiros. Dois suspeitos acabaram atingidos, e com eles teriam sido encontrados armas e drogas. Um deles era o filho da funkeira Tati Quebra Barraco.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas