Tamanho do texto

Giselle Itié gravou e dirigiu a série "Nem Uma a Menos", campanha de combate à violência contra mulher, e relatou o abuso aos 17 anos de idade

Giselle Itié
Reprodução
Giselle Itié


Giselle Itié gravou e dirigiu a série "Nem Uma a Menos", uma campanha de combate à violência contra a mulher, e contou que sofreu um assédio na adolescência. A atriz falou que aos 17 anos foi abusada por um ex-namorado quando os dois faziam uma viagem.

Leia mais:  Giselle Itié se decepciona com "Os Dez Mandamentos": "Muito frustrada"

"Sou Giselle Itié Ramos, tinha 17 anos primeira vez que meus pais me deixaram viajar com a família do meu namorado, eu estava muito feliz, minha mãe só pediu para eu não beber. Um dia, ele insistiu para sair, eu só pedi dois sucos de laranja. No dia seguinte, acordei machucada, mordida e com sangue. Dentro de tanta dor e confusão eu ainda tinha que me sentir culpada por não me casar virgem? Educação machista", contou ela.

Veja o vídeo:



Outros casos

Leia mais:  Ator de "Senhor dos Anéis" denuncia casos de pedofilia em Hollywood: "Tragédia"

Além de Giselle Itié outras famosas relataram um abuso sexual. Recentemente, Sabrina Boing Boing fez um relato  no quadro "De Frente com a Verdade", do programa na “Você na TV”, da RedeTV!. "Sofri abuso quanto tinha 5 anos de idade. A pessoa tinha mais de 30. Nunca conversei com ninguém da minha família sobre isso", desabafou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas