Tamanho do texto

O ator, marcado pelo Cabeção de "Malhação", conta o que tem feito na música e no cinema e diz que toparia fazer novela bíblica para voltar à TV

Sérgio Hondjakoff segue tentando seu caminho na carreira de ator, tentando mostrar . Até hoje lembrado como o Cabeção de "Malhação" - que interpretou de 2000 a 2005 - e sem espaço na TV, vem investindo na dupla com o funkeiro Dino Boyer e no cinema, onde fez alguns trabalhos ainda sem data para estrear. Em entrevista ao iG , ele conta como tem se virado e do reconhecimento nas ruas como o papel marcante.

Leia mais"Ele era menos preguiçoso que eu", diz ator que fez Cabeção em "Malhação"

Sérgio Hondjakoff relembra os tempos de Cabeção
Reprodução/Instagram
Sérgio Hondjakoff relembra os tempos de Cabeção




"Só me chamam de Cabeção , mas não acho que estou parecido com ele. Estou com 32 anos, saí da 'Malhação' com 21.Outro dia encontrei Emanoel Jacobina (autor da antiga e da atual temporada que está no ar, "Pro Dia Nascer Feliz") e ele me disse: 'Você pode até voltar para a Malhação, mas não como Cabeção, não tem mais nada a ver'", afirma Sérgio Hondjakoff .

Leia mais: Sérgio Hondjakoff pede emprego nas redes sociais

Música

Ele diz como está sendo soltar a voz na noite. "Já fui cantor por acaso quando era criança, gravei o CD Terra Encantada . Fomos em todos os programas infantis da época, na Hebe também, mas não bombou e não deu tão certo", recorda, falando em seguida sobre a parceria com Dino Boyer . "Eu já participava de eventos com ele como DJ, então ele me chamou pra fazer esse projeto. Gravamos só duas músicas, estavamos em busca de uma produtora para gravar um CD promo", explica.

Leia mais: Por onde anda o cantor Ritchie?

Cinema

O ator vive psicopata em filme
Divulgação
O ator vive psicopata em filme

Enquanto não aparecem papéis em novelas - o último foi em "Bela, a Feia", na Record - Sérgio vem se virando com participações no cinema. "Quis fazer o curta 'As Flores de Maria' porque eu estava paradão de ficção. Em Soroche' tem uma cena que eu ando de skate com um machado na mão atrás da namorada. Nesse filme estupro mulher, mato, sou bem doidão mesmo. Espero que as pessoas saibam me distinguir do personagem e que consigam distribuir esse filme em algum canal para que as pessoas vejam", diz o ator, que também está em "A Repartição do Tempo", em que contracena com Tonico Pereira

TV

Ele fala sobre as oportunidades nas emissoras. "Tive uma chance no 'Video Show' em 2014  dada pelo Ricardo Waddington . Só que mudou o diretor e não conheço o Boninho , não sou amigo dele. Estou pensando em ir no Projac depois do carnaval ver se consigo alguma coisa".

Já na Record ele arrisca o motivo para não ser mais chamado. "Fiquei três anos lá, gostei muito, mas tive uma briga ridícula com o Bemvindo Sequeira e não sei se isso me atrapalhou. Mas gostaria muito de trabalhar na Record e com ele, inclusive.".

O ator na pele de Cabeção ao lado de Daniele Suzuki em 'Malhação'
João Miguel Júnior/TV Globo
O ator na pele de Cabeção ao lado de Daniele Suzuki em 'Malhação'


Já pensou ver o intérprete de Cabeção em uma novela bíblica? Nem ele imagina, mas não vai escolher. "Não é muito a minha cara, mas eu ia me amarrar. Qualquer personagem eu ficaria super feliz de fazer", garante Sérgio Hondjakoff.