George Clooney em cena de Os Descendentes
Divulgação/Sony
George Clooney em cena de Os Descendentes


Parece que  George Clooney não vê a hora de voltar aos cinemas . E não só porque seu filme mais recente, "O céu da meia-noite", estreou este mês só em streaming, na Netflix . Em entrevista ao jornal "The New York Times", o ator e diretor americano disse que os cinemas vão sobrevier à pandemia, porque "as pessoas querem sair de casa". E acrescentou: "Eu tenho gêmeos, cara!". Clooney, que completa 60 anos em maio, afirmou que o cinema “ainda é uma ótima maneira de chamar alguém para sair” e é melhor assistir a comédias e a “filmes assustadores” na telona.

Casado desde 2014 com Amal Alamudinn, advogada britânica nascida no Líbano, Clooney é pai dos gêmeos Ella e Alexander, de 3 anos. O ator, que está confinado com a mulher e os filhos em Los Angeles, reclamou que as crianças tomaram conta da casa: "Eles transforaram o escritório num quarto de brincar e o bar em um berçário".

Você viu?


O ator e diretor aproveitou a quarentena para finalizar "O céu da meia-noite", seu sétimo longa-metragem como diretor, filmado antes da pandemia. Clooney também estrela o longa: ele é o cientista Augustine Lofthouse. A trama se passa em 2049, quando as condições atmosféricas da Terra são arruinadas e os sobreviventes são encaminhados a abrigos subterrâneos. Lofthouse, no entanto, não deixa sua base de pesquisa no Ártico, mesmo sabendo que a morte se aproxima.

Lado a lado com Obama

Crítico ferrenho do presidente americano Donald Trump, que deixa a Casa Branca em janeiro, o ator não resistiu à ironia quando o repórter do "Times" lembrou que há quem sugira ao Partido Democrata lançar candidatos famosos, como a apresentadora Oprah Winfrey e o o próprio Clooney. "Divertido, hein? Passar o último terço da minha vida tentando fazer acordos com quem não quer fazer acordos", disse, em referência ao Partido Republicano. O repórter rebateu dizendo que tanto o ex-presidente Barack Obama quanto Clooney estão na mesma plataforma (o democrata produziu o documentário "Indústria americana", que levou um Oscar e está disponível em streaming). Clooney riu: "Viu só? Ele caiu em si e aprendeu o que é importante".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários