Tamanho do texto

Aos 50 anos, Ben Stiller fala pela primeira vez sobre doença descoberta há dois anos: "Apareceu do nada para mim"

Ben Stiller surpreendeu os fãs durante sua participação no programa "Howard Stern Show", na madrugada desta terça-feira (4). O ator falou pela primeira vez sobre um câncer de próstata que descobriu há dois anos e que, graças ao diagnóstico precoce, teve sua vida salva.

+  Edson Celulari fala pela 1ª vez sobre câncer: "Foi um susto, mas estou bem"

Ben Stiller
Reprodução/Twitter
Ben Stiller


Aos 50 anos, Ben Stiller  revelou que o diagnóstico do câncer de próstata foi feito quando ele estava com 48 anos. "[O câncer] Apareceu do nada para mim. Eu não fazia ideia", desabafou o ator no "Howard Stern Show".

De acordo com Stiller, a doença foi detectada depois que ele se submeteu ao teste Antígeno Prostático Específico, que revelou o câncer. O ator, no entanto, afirma que não há nenhum histórico da doença em sua família. 

"Se eu não tivesse feito esse teste, meu médico começou a aplicá-lo em mim aos 46, eu ainda não saberia", desabafa o ator. Após o diagnóstico precoce ter salvo a sua vida, Stiller quer conscientizar mais pessoas a fazerem o mesmo. "Eu queria falar sobre isso por causa do teste. Eu sinto que ele salvou a minha vida", diz emocionado.

Marco Antônio de Biaggi celebra vitória contra o câncer: "Eu ressuscitei"

Tratamento

O médico de Ben Stiller aplicou o teste pela primeira vez como exame de rotina, mas o resultado apresentou alterações significativas que o preocuparam. Um novo exame foi realizado seis meses depois e o resultado foi ainda mais grave. "Depois da segunda vez, eu comecei a ficar preocupado", conta o ator. 

Após o teste, Stiller se submeteu a uma nova bateria de exames, incluindo uma ressonância magnética e biópsia, para determinar o diagnóstico do câncer. "A controvérsia sobre o teste é que, uma vez que você começa o tratamento, coisas podem acontecer: incontinência, impotência", afirma. "É o segundo câncer mais mortal, mas é também um dos que mais sobrevivem, se for detectado precocemente".